Videoconferências começam hoje no Floramar

 

Da Redação

Um passo importante favorecido pelo uso da tecnologia beneficiará presos que cumprem pena no presídio Floramar será dado hoje a partir de 15h. Isso porque os internos de outras comarcas agora podem conversar com os seus familiares por meio de videoconferência.

O projeto é uma parceria da unidade prisional com o Conselho da Comunidade na Execução Penal de Divinópolis e a Vara de Execuções Penais. Por meio do fundo das penas pecuniárias, um notebook e demais equipamentos necessários foram adquiridos para a efetivação da ação, que beneficiará todos os internos no Floramar e que, por não serem da comarca, acabam não recebendo visitas dos familiares devido à distância dos seus lares.

Imprescindível para o processo de ressocialização da pessoa presa, segundo as autoridades de segurança, o incentivo à manutenção dos vínculos e laços familiares é um dos pilares das políticas públicas voltadas para o interno que cumpre pena no sistema prisional mineiro, administrado pela Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp).

Prazo

A expectativa é que, ao longo do ano, todos os internos e internas que não recebem visitas possam ser beneficiados com a aproximação da família por meio das chamadas de vídeos. A direção da unidade esclarece que o preso não poderá cometer faltas para usufruir do benefício. Caberá aos profissionais do setor de Serviço Social da unidade prisional o agendamento com os familiares dos reclusos quanto ao dia e horário para a realização da visita assistida.

Comentários
×