Viajar? Só com a vacinação em dia

Manter a caderneta atualizada é fundamental na prevenção de doenças ao viajar

Da Redação

Ninguém quer ficar doente, principalmente durante as férias. As comemorações natalinas se aproximam e as festas de ano-novo de ano novo vêm logo em seguida. Nesse período, com o fim do ano letivo escolar – exceção das escolas que entraram em greve, muitas famílias aproveitam para tirar uns dias de folga e ir viajar e curtir uma praia, principalmente com este calor.

Para uma viagem tranquila, os cuidados com a saúde devem ir além da atenção com a pele e o uso de protetor solar. O Ministério da Saúde recomenda também outra medida fundamental para os viajantes na prevenção de doenças: manter a caderneta de vacinação atualizada. É aconselhado atualizar a cartilha pelo menos dez dias antes da viagem, seguindo as orientações do Calendário Nacional de Vacinação.

Risco

O alerta maior fica por conta da febra amarela, por seu risco de transmissão maior no verão e em áreas de grande aglomeração de pessoas – comum em festas de final de ano. No Brasil, são mais de quatro mil municípios onde é recomendada a imunização. Em março deste ano, Divinópolis registrou o primeiro caso de febre amarela. Apesar disso, no início do ano, a Secretaria Municipal de Saúde (Semusa) da cidade disponibilizou a vacina e imunizou 82,26% da população. A aplicação de uma dose é suficiente para proteção durante toda vida.

O Ministério da Saúde também faz um alerta para as vacinas contra sarampo. O surto da doença atinge principalmente o Amazonas, com 9.724 casos, e Roraima, com 349. Cidades com São Paulo, Rio de Janeiro, Bahia, Pernambuco e outros estados registraram casos confirmados da enfermidade.

Dicas

Já sabe o destino? Busque informações sobre o local e a região, como clima e se há risco de doenças e as vacinas recomendáveis para prevenção. Feito isso, antes da viagem, garanta sua imunização.

Nesse calor, parece óbvio, mas muitas pessoas acabam esquecendo-se de hidratação. É preciso ingerir líquidos com frequência para evitar a desidratação. Para caminhadas uma dica básica: use roupas confortáveis e calçados fechados. Exposição ao sol entre às 10h e 16h não é aconselhado. Evite também consumir alimentos crus ou mal cozidos.  

Quem não pode se vacinar, como gestantes que não podem receber a dose contra a febre amarela, recomenda-se o uso de repelentes. E, outra orientação: quem precisa tomar medicamentos de uso contínuo não deve se esquecer de levar a quantidade suficiente para o tempo que for ficar fora de casa.

Para mais informações basta acessar o site (http://portalms.saude.gov.br/saude-de-a-z/vacinacao/vacine-se#calendario) e conferir o Calendário Nacional de Vacinação. Lá é possível verificar as vacinas necessárias e com qual idade deve ser tomada, divididas em seis grupos (criança, adolescente, adulto, idoso, gestante e povos indígenas).

A prevenção e o cuidado com a saúde é fundamental para aproveitar ao máximo a viagem e as festas de ano. Cuide-se, previna-se, aproveite. 

Comentários
×