Vereadora propõe auxílio emergencial exclusivo para divinopolitanos

Valor seria pago durante três meses e varia de R$70 a R$150

Da Redação

Divinópolis poderá ter um auxílio emergencial exclusivo para moradores da cidade. A indicação  Nº 680/2021  foi proposta pela vereadora Lohanna França (CDN) na tarde de ontem, 25.

Justificativa

Na indicação, Lohanna justifica o projeto da seguinte forma:

— O pedido se justifica pois a Secretaria de Assistência Social está com um superávit de mais de R$ 1.600.000,00 (um milhão e seiscentos mil reais) do orçamento do ano de 2020, o que se verifica pelo PROJETO DE LEI EM Nº. 019/2021, e as economias feitas com redução de cargos comissionados e aluguéis de imóveis definem um valor que pode ser direcionado para o atendimento de inúmeras famílias divinopolitanas em situação de vulnerabilidade — explica.

Valores

O possível projeto de lei propõe o pagamento durante três meses, em valores de R$70, R$100 e R$150.

I - R$ 150,00 (cento e cinquenta reais) para as famílias com renda per capita de até um terço do salário mínimo vigente, inscritas no Cadastro Único para Programas Sociais, aptas ao Programa Bolsa Família, mas ainda não contempladas pelo Programa;

II – R$ 100,00 (cem reais) para as famílias com renda per capita de meio salário mínimo vigente, inscritas no Cadastro Único para Programas Sociais; aptas ao Programa Bolsa Família, mas ainda não contempladas pelo Programa;

III - R$ 70,00 (setenta reais) para as famílias que são beneficiárias do Programa Bolsa Família, que possuam em sua composição familiar crianças de 0 a 5 anos.

Requisitos

Para receber o possível benefício, o morador deve seguir esses requisitos:

- Ser moradora do Município de Divinópolis ou com inscrição no Cadastro Único para Programas Sociais vinculado a este município;

II – ter renda per capita informada no Cadastro Único dentro dos limites.

Comentários
×