Universidade VLI chega à oficina de trens em Divinópolis

Da Redação 

Nesta quarta-feira, 26, a Universidade VLI inaugurou mais um espaço, dessa vez dentro das instalações da empresa em Divinópolis.

A área que abrigava o Centro de Especialização e Desenvolvimento (CED) foi totalmente reformada e alinhada ao padrão da unidade de ensino localizada na sede da companhia, em Belo Horizonte.

Cerca de R$ 800 mil foram investidos em melhorias e equipamentos para quatro salas de aula, um ambiente com o simulador ferroviário e um laboratório de práticas do TPS (em português, Sistema Toyota de Produção). 

A chegada da Universidade VLI à maior oficina de manutenção de material rodante da América Latina (que atende toda a Ferrovia Centro-Atlântica) está em linha com o objetivo da companhia em fomentar a conexão entre desenvolvimento de pessoas e a estratégia de negócio.

O local conta com mais de 700 profissionais próprios e a unidade oferecerá soluções educacionais com foco em competências técnicas, gerenciais e individuais que visam suportar o crescimento e a consolidação da cultura VLI.

A empresa tem o desafio de aprimorar ainda mais a formação de seus profissionais para um segmento que ainda dispõe de poucas opções de qualificação especializada. Em paralelo, a universidade vai reforçar os valores da companhia. 

— A abertura desse espaço em Divinópolis reforça nossa visão de que o futuro do setor passa por aprimorar a geração de conhecimento, reforçar o engajamento dos profissionais e obter resultados ainda mais conectados com o plano de negócio — ressalta Rute Melo Araújo, diretora de Gente e Serviços. A empresa conta com mais de sete mil profissionais atuando em 10 estados e o Distrito Federal.

Comentários
×