Transporte Público disponibiliza reforços a partir desta segunda-feira

Da Redação 


A Secretaria Municipal de Trânsito, Transportes e Segurança Pública (Settrans) informa que, a partir desta segunda-feira, 27, o transporte coletivo urbano de Divinópolis continuará funcionando com horário de domingo. Serão disponibilizados reforços nos horários de pico, entre 6h e 9h, e das 16h às 20h. As medidas de limpeza e higienização continuam sendo realizadas. 

Com a flexibilização do comércio serão disponibilizados reforços das seguintes linhas: 04- 09- 10- 14- 17- 21- 21A-24- 27- 43- 61- 71- 104- 111- 112- 138- 153- 156- 159- 141- 142. O objetivo é atender a demanda da população, colocando mais ônibus em circulação nos horários de maior movimentação.

As medidas preventivas continuam sendo realizadas pelo Consórcio Transoeste, que é composto por três empresas. O ponto de limpeza destaque no município fica localizado na última parada de ônibus da rua Pernambuco, entre as avenidas 1º de Junho e Getúlio Vargas, Centro, onde é realizada a ação preventiva nos veículos da Trancid. A parada final dos veículos, localizado no bairro Planalto, foi destinado à Exdil. Já a frota urbana da Transpratur recebeu as medidas de higienização em sua garagem.

De acordo com o secretário de Trânsito, Marcelo Augusto, a Settrans está fiscalizando o a capacidade de lotação dos coletivos.

— A partir desta segunda-feira, os ônibus não poderão exceder a capacidade dos usuários sentados. O não cumprimento da regra gera uma notificação para a empresa. É importante ressaltar também, que para a segurança de todos, nós recomendamos que os passageiros utilizem as máscaras, principalmente para os idosos. Como forma de prevenção e cuidado com a saúde pública — enfatizou.

O secretário destacou ainda que os idosos têm respeitado as recomendações do Ministério da Saúde.

— Nós temos acompanhado o fluxo de pessoas idosas nos ônibus urbanos e constatamos que 85% dessa população está consciente, utilizando o transporte público fora do horário de pico. É importante que os mesmos continuem realizando esta medida de prevenção, já que fazem parte do grupo de risco — ressaltou.

Comentários
×