Tardelli comanda vitória do Galo em jogo treino contra o Bolivar

Equipe boliviana faz pré-temporada em Minas Gerais, e ainda enfrentará Cruzeiro e América

José Carlos de Oliveira

O time do Bolivar, da Bolívia, está em Minas Gerais se preparando para a temporada 2021, com foco na Copa Libertadores. A equipe estreia na segunda fase da competição, com jogos marcados para os dias 10 e 17 de março, contra um representante do Uruguai. O clube, que tem parceria com o City Football Group, empresa que controla o Manchester City e outros times pelo mundo, enfrenta em jogos treino em Minas Gerais os três grandes da capital. O confronto contra o Atlético foi na manhã de ontem – já no sábado, 20, os bolivianos jogam com o Cruzeiro na Toca da Raposa I, e na terça-feira, 23, enfrentam o América.

Tardelli comanda virada 

O primeiro compromisso do Bolivar em solo mineiro foi na Cidade do Galo, em Vespasiano, onde enfrentou o Atlético. Jorge Sampaoli mandou a campo apenas jogadores que não enfrentaram o Bahia no sábado, 13, ou que entraram no decorrer da partida.

No confronto, Atlético saiu perdendo no primeiro tempo – o gol do Bolivar foi marcado por Alvaro Reys, aos 31 minutos –, mas virou na segunda etapa, com três gols de Diego Tardelli, aos 3 minutos, em cobrança de penalidade máxima, aos 9, de cabeça, e aos 13, completando cruzamento que veio da ponta esquerda.

O Atlético jogou no primeiro tempo formado com Rafael; Mariano, Igor Rabello, Gabriel e Bueno; Dylan, Calebe e Nathan; Hulk, Diego Tardelli e Vargas. Na segunda etapa, a equipe alvinegra foi de Victor; Mariano, Igor Rabello, Gabriel e Bueno, Dylan, Calebe e Iago, Sávio, Diego Tardelli e Vargas.

O Bolivar enfrentou o Atlético jogando com: Rubén Cordano, Diego Bejarano, Jairo Quinteros, Felipe Carvalho, Roberto Fernández, Hernán Rodríguez, Leonel Justiniano, Erwin Saavedra, Alvaro Rey, Bruno Miranda e Armando Sadiku. Técnico: Natxo González.

Sampaoli de saída

Já sem chances de título no Campeonato Brasileiro da Série A, o Atlético enfrenta o Sport na tarde de domingo, 21, na Ilha do Retiro, em Recife. O Galo encerra sua participação no torneio na quinta-feira, 25, no estádio do Mineirão, em Belo Horizonte, contra o Palmeiras, com o objetivo de assegurar participação na fase de grupos da Copa Libertadores, competição que disputa pela sétima vez nas últimas dez temporadas. Hoje o Galo é o terceiro colocado na tabela e ainda tem chances de ser vice-campeão.

Os jogos contra Sport e Palmeiras podem ser os últimos do Galo sob o comando do técnico argentino Jorge Sampaoli, que deve pagar a multa rescisória de 1,5 milhão de dólares e se transferir para o Olympique de Marselha, da França.

A diretoria alvinegra já trabalha com a iminente saída do treinador e busca nomes para substituí-lo. O preferido dos dirigentes e dos empresários que apoiam os investimentos na Cidade do Galo é o de Renato Gaúcho, do Grêmio, e Cuca aparece como segunda opção.

 

 

Comentários
×