Tabaco aumenta risco de contaminação e agravamento da covid-19

Da Redação

O tabagismo é uma doença crônica causada pela dependência à nicotina. De acordo com o Ministério de Saúde, o tabaco causa diferentes tipos de inflamação e prejudica mecanismos de defesa do organismo, e consequentemente, há maior risco de infecções por vírus, bactérias e fungos.

O cigarro compromete o sistema respiratório, via afetada pela covid-19, assim, o fumante tem mais chances de desenvolver sintomas graves como dificuldade de respirar e insuficiência respiratória.

Também há mais chances de contaminação por colocar as mãos em contato com a boca, além do compartilhamento de objetos como maço e isqueiro.

O tabaco ajuda a piorar o quadro clínico da doença, auxiliando na diminuição da imunidade e piora da sintomatologia pulmonar e agravamento do paciente.

Ao deixar de fumar, é possível notar benefício à saúde imediatos. Após 12 a 24 horas os pulmões já estarão funcionando melhor.

— A Prefeitura de Divinópolis destaca que as unidades de saúde municipais estão de portas abertas para aqueles que decidirem caminhar contra o tabagismo — informou a Administração.

Comentários
×