SRE Divinópolis alinha ensino e contação de histórias em vídeos dedicados aos anos iniciais do ensino fundamental

 
Da Redação
 
A tradicional prática da contação de histórias, que faz parte da cultura de Divinópolis e região, agora tem sido aplicada de maneira sistematizada como estratégia de ensino por professores dos anos iniciais do ensino fundamental da Superintendência Regional de Ensino de Divinópolis. A iniciativa faz parte do projeto “Salinha Virtual”, que conta com a organização e articulação das analistas do Setor Pedagógico, além do trabalho técnico e operacional do Núcleo de Tecnologias Educacionais da SRE. 
 
Os envolvidos relatam que a ideia partiu de um elogio feito por Geniana Guimarães Faria, subsecretária de desenvolvimento da educação básica da SEE/MG, ao assistir um vídeo em que a professora Sonaide Costa, da Escola Estadual Manuel Correa Filho realizava uma contação de histórias muito especial. A docente havia se recuperado após contágio pela covid-19 e, no vídeo, usava recursos lúdicos para ensinar as crianças a se protegerem da doença usando máscaras e álcool em gel. 
 
— Ao percebermos o potencial educativo daquela prática, voltamos nosso olhar aos muitos docentes que usam com maestria, em nossa Regional, a contação de histórias como estratégia educacional. Decidimos, então, criar um grupo de trabalho que pudesse coordenar a produção de novas histórias em vídeo dedicadas à educação das crianças pequenas, do primeiro ao terceiro ano do ensino fundamental — explicou a superintendente regional de ensino Luíza Amélia Coimbra. 
 
Os vídeos são gravados semanalmente por cerca de trinta professores da rede estadual de ensino. Cada produção tem, em média, cinco minutos de duração, nos quais os docentes exploram o mundo da imaginação em contações diversas. Quando prontos, os vídeos são divulgados no Canal do YouTube Ensino em Foco (https://www.youtube.com/channel/UCSoyYNfT5g7y0hHWtKQcFag/), e replicados no Facebook da SRE Divinópolis. Nos próximos dias, os vídeos do “Salinha Virtual” ganharão também uma página específica no site da SRE, estruturada pela servidora Carla Espíndola, do Núcleo de Tecnologia Educacional da Superintendência Regional de Ensino. 
 
Além de já ter gravado alguns vídeos, a professora Marisa Júlia Ferreira, da Escola Estadual João Dornas Filho, é a autora da música que compõe a vinheta de abertura dos minifilmes de contação de histórias.
 
— Para mim, o projeto de contação de histórias tem sido uma experiência maravilhosa! Nunca havia pensado em gravar um vídeo para meus alunos. Senti medo no primeiro momento, mas como adoro desafios, a partir desta oportunidade, quero continuar explorando essa possibilidade de alimentar a imaginação da crianças levando a elas, sem sair de casa e com muito carinho, o mundo da fantasia — comentou a docente. 
 
Além das contações gravadas, este mesmo grupo de professores da SRE tem produzido vídeos curtos baseados nos conteúdos dos Planos de Estudos Tutorados (PETs) direcionados aos alunos do primeiro ao terceiro aninhos do Ensino Fundamental. Todos esses materiais já estão disponíveis no Canal do YouTube Ensino em Foco e, em breve, estarão publicados também no site da SRE Divinópolis (http://sredivinopolis.educacao.mg.gov.br/).
Comentários
×