Sindinova prepara mais uma edição da Fenova

Jorge Guimarães

Nova Serrana fechou 2017 com boas-novas. A cidade se manteve entre as dez cidades brasileiras com a maior geração de empregos e como líder no estado. De janeiro a novembro no ano passado, o município criou 3.399 vagas, segundo dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) do Ministério do Trabalho. E 2018 já começou com bons resultados para o maior polo calçadista de Minas. No mês que vem, ocorre a Feira de Calçados de Nova Serrana (Fenova).

Além disso, entre os dias 15 e 17 de janeiro, o Sindicato Intermunicipal das Indústrias de Calçados de Nova Serrana (Sindinova), com o objetivo de reafirmar a qualidade e o potencial do polo, realizou a primeira edição da Nova Serrana Feira e Moda, no Anhembi, na cidade de São Paulo.

O evento foi, mais uma vez, sucesso de público. Fabricantes que já participam das feiras promovidas pelo Sindinova e, com isso, conhecem a rotina de um evento de negócios ficaram surpresos com os resultados obtidos.

Realizada com o apoio do Sistema Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (Fiemg), do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae/MG) e da Prefeitura de Nova Serrana, a Nova Serrana Feira e Moda já entrou para o calendário oficial da cidade.

Fenova 

O sindicato trabalha agora para finalizar os últimos detalhes da 21ª Feira de Calçados de Nova Serrana (Fenova), que ocorrerá entre os dias 27 de fevereiro a 1º de março. O tradicional evento será realizado mais uma vez no Centro de Convenções da cidade vizinha.

A feira apresentará as novidades em calçados para o outono/inverno 2018. De acordo com o presidente da entidade, Pedro Gomes da Silva, o sucesso das últimas edições justifica as expectativas para a próxima.

– Quando se realiza uma feira com sucesso, é natural que ela transmita otimismo para a que virá. E desde o término da edição do ano passado, já tínhamos cerca de 70% dos estantes renovados para esta edição e esperamos crescer pelo menos 30% na 21ª Fenova – avaliou.

Todos ganham 

Ainda segundo Pedro Silva, a Fenova e a Feira de Máquinas e Componentes para Calçados (Febrac) são fundamentais para o desenvolvimento de diversos setores do município.

– O comércio, de forma geral, se beneficia com a presença de turistas que participam da Fenova. Além disso, feira igual à Febrac, que acontece em agosto, só há a Feira Internacional de Couros, Produtos Químicos, Componentes, Máquinas e Equipamentos para Calçados e Curtumes (Fimec), realizada em Novo Hamburgo. E mais uma vez, os grandes fabricantes de máquinas e componentes estarão em Nova Serrana para apresentar inovações tecnológicas aos nossos fabricantes, o que é de extrema importância para o desenvolvimento do polo calçadista – finaliza o presidente do Sindinova.

 

Comentários
×