Servidor suspeito de abusar da filha e da sobrinha já está no presídio

Da Redação

O servidor público acusado de abusar sexualmente da filha e da sobrinha, preso na manhã desta quinta-feira, 21, em um dos setores da Prefeitura de Divinópolis, já está no presídio. Devido a pandemia do coronavírus, ele foi encaminhado para Bom Despacho, visto que o Floramar segue superlotado. Segundo informações da Delegacia Regional em Divinópolis, Bom Despacho é hoje a porta de entrada para todos os presos da região. 

A prisão é temporária com validade de 30 dias e pode ser prorrogada pelo mesmo período.

Vítimas

Depoimentos das vítimas à Polícia Civil (PC) revelam que abusos teriam começado ainda durante a infância de uma das meninas, quando ela tinha apenas 5 anos de idade, hoje ela tem 15. O fato se repete com a sobrinha que atualmente tem 14 anos de idade. 

A outra vítima é a enteada do suspeito, que hoje tem 20 anos. O acusado é funcionário público há 25 anos. O inquérito estava nas mãos de Maria Gorete Rios, que comanda a Delegacia de Proteção a Crianças e Adolescentes. 

Exclusivo

O Agora obteve as informações com exclusividade dos relatos feitos pelas vítimas nos inquéritos. A PC tomou conhecimento dos fatos apenas no último dia 31 de março deste ano, e a partir daí colheu provas e novos depoimentos contra o homem de 51 anos. Ele que trabalha atualmente dirigindo máquinas pesadas em uma das secretarias do Município também já foi motorista do Conselho Tutelar. A advogada que representa a família, informou que o Conselho já a procurou e estar a par de toda a situação. A partir de agora, vai ouvir a família e apurar se houve alguma situação envolvendo o suspeito no período em que ele atuou lá.

O suspeito ficou por várias horas prestando esclarecimentos na delegacia acompanhado pelo seu advogado.  

No fim da tarde, foi levado para Bom Despacho.

Comentários
×