Secretaria de Cultura de Divinópolis e Iepha discutem gestão de patrimônios históricos

 

Da Redação

A Secretaria de Cultura de Divinópolis participou de uma reunião com o Instituto Estadual do Patrimônio Histórico e Artístico de Minas Gerais (Iepha), com o intuito de discutir as novas diretrizes do município. O encontro aconteceu nesta sexta-feira, 12, em Belo Horizonte. Junto com o Secretário de Cultura, outros profissionais também marcaram presença. 

O Instituto Estadual do Patrimônio Histórico e Artístico é uma fundação vinculada à Secretaria de Estado de Cultura que atua no campo das políticas públicas de patrimônio cultural. Sua função é pesquisar, proteger e promover os bens culturais, em parceria com os órgãos públicos.

A equipe presente na reunião foi guiada por Gustavo Mendes, secretário de Cultura, e composta pela coordenadora de Museus e Arquivos, Jaqueline Alves, e pelos historiadores Karine Mileide e Cleiton Barbosa.

O grupo debateu sobre as novas medidas a serem tomadas a respeito de planejamentos, ações anteriores e atuais, revisões de plano de inventário e de tombamentos. Outro questão discutida foi a possibilidade de realizar obras de restauração de bens culturais e programar ações de cooperação municipal por meio do ICMS Patrimônio Cultural.

O ICMS Patrimônio Cultural é um programa de incentivo à preservação por meio de repasse de recursos para os municípios que preservam seu patrimônio e suas referências culturais através de políticas públicas.  O programa estimula as ações de conservação dos bens protegidos pelos municípios por meio do fortalecimento dos setores responsáveis pelo patrimônio das cidades e de seus respectivos conselhos em uma ação conjunta com as comunidades locais.

Segundo o secretário de Cultura, o encontro ajudou a orientar a visão em relação aos bens municipais e à gestão de recursos para a manutenção destes e, também, dos profissionais.

— Tiramos da reunião a base para as novas diretrizes em relação ao nosso patrimônio cultural. Além disso, pudemos trazer o possível para atualizar nossos profissionais para obter mudanças significativas — comemorou Gustavo.

Comentários
×