PT e PC do B emitem notas de repúdio ao prefeito Gleidson Azevedo

Diretórios Municipais alegam calúnia, injúria e falsas acusações do político

Da Redação

Os Diretórios Municipais do Partido dos Trabalhadores (PT) e do Partido Comunista do Brasil (PC do B) emitiram, na tarde desta terça-feira, notas de repúdio ao prefeito de Divinópolis, Gleidson Azevedo (PSC).

As laudas vêm sob alegação de injúria, má conduta, calúnia do político que, segundo os representantes, acusou erroneamente que qualquer candidato que estivesse na Prefeitura estaria roubando, menos ele. Vale ressaltar que, na eleição passada, o PT teve Maria Helena como candidata à Prefeitura.

Confira as notas de repúdio.

Nota do PT:

O prefeito de Divinópolis, em público, pronunciou uma fala injuriosa, que pode ser considerada até criminosa, tipificados no nosso código penal, calúnia artigo 138, Injúria e difamação artigo 139. Tendo como pena detenção de 6 meses a 2 anos e multa. Tentando se justificar de absurdos cometidos por ele, insinuou que ele é honesto, diferentemente de todos os outros ex-candidatos que com ele concorreram ao cargo que ocupa. Sendo assim ele insinua que qualquer outro que disputou aquela eleição, se tivesse vencido, estaria hoje a roubar no exercício do cargo.

O PT teve como candidata a professora Maria Helena, pessoa de grande valor ético, moral e humano, e que nunca esteve em suspeição de qualquer ato que a pudesse incriminar. Hoje temos a certeza de que se ela tivesse saído vencedora, nossa cidade estaria em melhores mãos, pois seu programa de governo proposto era infinitamente melhor.

Aliás, qual é o plano de governo do prefeito, que até hoje não foi apresentado? Em mais de seis meses de governo, o prefeito não apresentou nada de bom para o nosso município concretamente.

A nossa população sempre desconfia daqueles que se arrogam de honestos, pois quem o é, verdadeiramente, não precisa se promover como tal.

O prefeito ainda se ilude pensando que publicando filminhos de péssimo gosto, rebolando e fazendo gracinhas, evidenciando uma péssima educação, que nos envergonha a todos, basta como ações governamentais.

Não basta, estarmos vivendo tempos difíceis em que nossa população necessita de ações governamentais, objetivas na direção de amenizar o sofrimento de nosso povo.

Nota do PC do B:

O PC do B vem a público REPUDIAR veementemente as palavras e ações do Prefeito de Divinópolis, Gleidson Azevedo do PSC, que acusou publicamente, no lançamento de uma plataforma digital, os outros sete candidatos à prefeitura de Divinópolis que competiram com ele nas últimas eleições, chamando-os de ladrões.

Solidarizamo-nos com todos os ex-candidatos à prefeitura de Divinópolis, representados por Fabiano Tolentino, que veio a púbico exigir provas e esclarecimentos do Prefeito Gleidson Azevedo, uma vez que, para se posicionar não se precisa atacar, ofender, difamar. A política precisa permitir o diálogo entre ideias contrárias de maneira salutar para que haja bom senso, respeito e equilíbrio na gestão pública e administrativa.

Solicitamos esclarecimentos ao Senhor Prefeito Gleidson Azevedo, que de maneira leviana, ofensiva e desrespeitosa tem, constantemente, atacado e acusado partidos, instituições e/ou adversários, assumido uma postura contrária e contraditória ao cargo que ocupa. Espera-se que um administrador público tenha ciência da sua responsabilidade e representatividade e além de esclarecer os fatos, reconsidere sua postura agressiva com aqueles que se posicionam de forma diferente da sua.

A coligação PC do B/PT reitera seu compromisso com o município, já que não serão ameaças que irão impedir atuação de pessoas, servidores e instituições que trabalham em prol da população divinopolitana.

Comentários
×