Presídio Floramar ganha escâner corporal

Da Redação 

O presídio Floramar, em Divinópolis, inaugura nesta terça-feira, 7, um escâner corporal. A unidade é a 13ª do estado a receber esse tipo de equipamento, que será utilizado para revistas de visitantes, presos e colaboradores. O investimento R$ 228 mil faz parte do projeto "Mais Segurança e Dignidade", da Justiça Federal no município. Além do escâner corporal, a iniciativa também custeou algumas reformas e melhorias na unidade, assim como a prestação de serviços médicos aos presos.

— O aparelho humaniza o procedimento de revista nos visitantes e é mais eficaz na detecção de materiais e objetos ilícitos, como drogas e celulares, do que a revista convencional associada a banquetas e bastões de raios-x, garantindo assim mais segurança no estabelecimento prisional — informa a Secretaria de Estado de Administração Prisional (Seap).

Serão pagos 24 meses de aluguel, com um custo mensal de R$ 12 mil, totalizando R$ 288 mil. A verba é proveniente de pagamentos de prestações pecuniárias da Justiça Federal, da subseção judiciária de Divinópolis.

Leia também

Reportagem especial: mãe denuncia ao Ministério Público maus-tratos na Florinha

Comentários
×