Presídio de Divinópolis realiza audiências judiciais por videoconferências

Da Agência Minas 

A partir desta quarta-feira, 28, presos da comarca de Carmo do Cajuru, que estão no Presídio Floramar, em Divinópolis, irão participar das audiências de instrução de julgamento por meio de videoconferência. 

Uma sala com equipamentos como caixa de som, câmera e computador foi instalada na unidade prisional e, agora, os presos não precisarão mais ser deslocados até a comarca de Carmo do Cajuru para a realização das audiências. 

A iniciativa vai possibilitar a liberação de policiais militares para suas atividades ostensivas, uma vez que a escolta dos detentos era feita pela Polícia Militar, envolvendo uma média de quatro policiais que eram deslocados das suas funções para fazer o trajeto. 

A ação conta com a aprovação do juiz da comarca e com o apoio da Prefeitura de Carmo do Cajuru, que doou parte dos equipamentos. Cinco audiências já serão realizadas neste primeiro dia, e outras quinze já estão agendadas. 

— Além da liberação dos policiais, o projeto será benéfico também para os cofres do Estado, graças à economia de combustível, veículos e servidores. Outros benefícios são a segurança e a comodidade para todos os envolvidos. A intenção da direção do presídio é de que presos de outras comarcas, inclusive de Divinópolis, também sejam contemplados com a iniciativa — informou o Governo de Minas.

Comentários
×