Presidente da Câmara divulga nota se retratando sobre ofensas a colegas

Da Redação

A semana começou com a Câmara de Divinópolis, sendo notícia, como terminou a última. O presidente da Casa Legislativa, Rodrigo Kaboja, (PSD), teve o nome envolvido em duas polêmicas na semana passada. A primeira por ter tido a inciativa de reduzir os salários dos vereadores e gerado discordâncias e críticas entre os próprios colegas. Na segunda, por ter respondido nas mídias sociais de forma nada recomendável para alguém de sua posição, graves acusações de um cidadão disparadas contra ele, também nas redes sociais. Ele inicia dizendo que, como cidadão, vereador e cidadão, vem a público pedir desculpas, em especial, aos seus colegas parlamentares e continua:
—  Digo isso porque as pessoas não podem ter medo de pedir desculpas, especialmente os políticos pelo seu papel de autoridade e representatividade. Todos nós, de uma forma ou de outra, estamos vivendo essa pandemia do coronavírus e isso tem nos tirado da rotina, gerado situações de estresse e discussão – explica.
Ataques
O presidente  da Câmara segue revelando que diante de toda esta situação e de várias notícias falsas, ataques pessoais a sua família e honra, reagiu na última semana, por meio de áudios e palavras onde reconhece que se excedeu. Segundo ele, especialmente, no trato com colegas de parlamento a quem tenho respeito e apreço.
— Diante dos ataques que sofri, reconheço que fui agressivo em algumas colocações. Os tempos são difíceis, os desafios estão colocados, mas isso não é motivo para a forma como agi. Em respeito à minha família, à minha cidade, àqueles que me tem como amigo, e aos demais colegas vereadores, reitero um pedido de desculpas pelos excessos. Obrigado – encerra.

Comentários
×