Prefeitura suspende doses da AstraZeneca em gestantes

Imunização do grupo foi interrompida; decisão foi tomada após recomendação da Anvisa

Da Redação

As gestantes terão que aguardar mais um pouco para receber a vacina contra a covid-19. Após a abertura do cadastramento para esse grupo especial, na última sexta, a Prefeitura de Divinópolis confirmou, na tarde desta terça, a suspensão da utilização do imunizante AstraZeneca em mulheres grávidas. Segundo o Executivo, a decisão vem após recomendação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). Sendo assim, a imunização deste grupo está interrompida, visto que a única vacina disponível no momento é esta.

Relembre

Seguindo o Plano Nacional de Imunização (PNI), a Prefeitura liberou, na última sexta, o cadastramento de pessoas com síndrome de Down maiores de 18 anos; gestantes e puérperas (no mínimo 45 dias pós-parto), com comorbidades, maiores de 18 anos; e pessoas com deficiência permanente, cadastradas no Programa de Benefício de Prestação Continuada (BPC), maiores de 18 anos.

Já no domingo, o Executivo também disponibilizou o cadastro de portadores de diabete mellitus, pneumopatia crônica grave (fibrose cística, asma severa etc.), hipertensão arterial (1, 2, 3 e resistente), cardiovasculares (arritmias, valvopatias etc.) ou cerebrovasculares (AVC, aneurisma etc.), imunossuprimidos (HIV, oncológicos etc.), obesidade mórbida (IMC ≥ 40) , cirrose hepática e hemoglobinopatias graves. 

Justificou

A Prefeitura justificou a suspensão da vacinação em gestantes.

— De acordo com a nota da Anvisa, o uso off label de vacinas, ou seja, em situações não previstas na bula, só deve ser feito mediante avaliação individual por um profissional de saúde que considere os riscos e benefícios da vacina para a paciente. A Organização Mundial de Saúde (OMS) afirma que não existe informações suficientes para uma decisão final sobre o uso das doses em grávidas.  Em outros grupos, a vacinação com o imunizante AstraZeneca continua normalmente — explicou em nota divulgada.

Comunicado

A Prefeitura também informou que emitirá um comunicado direcionado às gestantes.

— Tão logo a Prefeitura receba novas orientações sobre o assunto, um comunicado direcionado às gestantes será divulgado. A Secretaria Municipal de Saúde orienta que, todas as gestantes que apresentem qualquer tipo de evento adverso pós-vacinal, devem se encaminhar à unidade básica de saúde mais próxima para notificação e avaliação por profissional de saúde — disse em nota divulgada.

Comentários
×