Prefeitura emite nota sobre coronavírus e agenda coletiva

Da Redação

Após confirmação do primeiro caso de coronavírus em Minas, e a paciente ser de Divinópolis, a Secretária Municipal de Saúde (Semusa), emitiu nota, explicando a situação. Afirmou que acompanha de perto. Uma mulher de 47 anos, que regressou da Itália no dia 2 de março. A nota explica ainda que após retornar a Divinópolis, onde reside, a mulher foi encaminhada para quarentena domiciliar.

Diz também que durante esse período, foi assistida por profissionais da Semusa, bem como todos que com ela tenham algum tipo de contato. Reafirma que Divinópolis foi um dos primeiros municípios a estabelecer o protocolo de atendimentos de casos suspeitos, ainda no mês de janeiro. Desde então, todos os casos suspeitos estão recebendo total atenção da Diretoria de Vigilância em Saúde.

O secretário recebe a imprensa, nesta segunda-feira, 9, às 9h, na sede da Semusa, para apresentar todos os detalhes das ações em Divinópolis.
Encerra afirmando que não há necessidade de preocupações descabidas em relação a este caso, uma vez que, desde o início, ele vem sendo monitorado de perto.
— Todos os cuidados relação ao Covid-19 estão sendo amplamente divulgados pela imprensa e dependem, principalmente, de ações básicas como lavar bem as mãos e evitar superfícies não higienizadas. É importante também que as pessoas ao apresentarem algum sintoma suspeito acionem a unidade de saúde pública mais próxima de casa, mas evitem aglomerações ōÖ— finaliza.

Coment√°rios
×