Prefeito diz que município não tem culpa do desastre e responsabiliza a Vale

Anna Lúcia Silva

Durante entrevista coletiva na tarde deste domingo (27), o prefeito de Brumadinho Avimar de Melo Barcelos, conhecido como Neném da Asa, responsabilizou o Governo Estadual sob o comando de administrações passadas e a Vale , pela tragédia que causa efeitos há mais de 50 horas na cidade, decorrentes do rompimento da barragem da Mina do Feijão, ocorrido na última sexta-feira (25). 

Segundo o prefeito, o governo e a Vale concederam a licença para mineração na região. Ele informou que o município aplicou uma multa de R$ 100 milhões à empresa e acrescentou que a Vale foi inconsequente e que a prefeitura não tem envolvimento com o ocorrido. “A Vale tem que fiscalizar. A responsabilidade é dela”, disse.

Sobre a existência de um plano de contenção e evacuação da cidade em casos de desastres, o prefeito  reconheceu que o município não estava preparado e reforçou não ter culpa do desastre. 

 

Comentários
×