Preço de ovo de Páscoa varia até 89% em Divinópolis

 

Jorge Guimarães 

Mesmo ovo de Páscoa, mesma marca e mesmo peso. Mas uma variação de preço de 89% entre um estabelecimento e outro. A pesquisa de valores incluiu ainda peixes e ovos comuns e foi realizada pelo Núcleo de Pesquisas Econômicas (Nupec) da Faculdade de Ciências Econômicas, Administrativas e Contábeis de Divinópolis (Faced), durante o mês de março, nos principais supermercados de Divinópolis.

Os preços apresentaram grandes variações entre os estabelecimentos. Entre os ovos de chocolate, a principal diferença de valores médios foi encontrada no ovo Laka 183g. O mesmo produto estava à venda entre R$ 18,50 e R$ 34,99. Ou seja, uma diferença de 89,14%.

 Pescados

 O Nupec destacou ainda as diferenças de preços entre os principais peixes consumidos nesta época. O quilo do bacalhau saithe registrou uma diferença entre o valor mínimo e valor máximo de 38%; a piramutaba, de 37%; e a sardinha em lata, 14%.

 Ovos 

Variações também foram encontradas nos preços dos ovos brancos, dos quais a dúzia registrou o menor preço de R$ 3,29 e o máximo de R$ 4,99. Os ovos vermelhos apresentaram um valor mínimo para a dúzia de R$ 5,95 e máximo de R$ 6,59.

 Preços 

Diante de tamanha variação de preços, a melhor saída para o consumidor é a tradicional pesquisa. Deve haver ainda uma atenção especial às ofertas da semana.

Uma rede de supermercado, por exemplo, colocou em oferta alguns dos produtos mais procurados. Assim, o filé de Merluza sai a R$ 7,99 (500 gramas) e o de tilápia (400 gramas) a R$ 13,98. Já o piramutaba, o quilo, está sendo comercializado a R$ 15,99 e o bacalhau saithe a R$ 34,90.

– Começo minhas andanças a partir de hoje. Procuro conferir todas as ofertas para depois comprar. Até na quarta-feira, já tenho tudo resolvido. Lá em casa, a peixada é tradicional neste final de semana – comenta a aposentada Irani Silva.

– Quer coisa melhor que o sorriso de uma criança lambuzado de chocolate? Tenho sobrinhos e cada um vai receber o seu, porém neste ano os ovos vão ser do tamanho pequeno – conta a comerciária Alice Dias.

 Brasil 

A Páscoa deve movimentar o comércio no final do primeiro trimestre do ano. Uma estimativa realizada pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) mostra que cerca de 103,9 milhões de brasileiros devem realizar compras para a ocasião.

De acordo com a sondagem, 69% dos consumidores pretendem comprar ou já compraram presentes e chocolates para a Páscoa de 2018 – percentual acima da intenção de compras relatada em 2017 (57%). Apenas 12% não pretendem ir às compras neste ano.

 

Comentários
×