Política & Cia - 17/8/18

CEF tem lucro exorbitante

A Caixa Econômica Federal (CEF) divulgou na terça-feira, 27, que teve lucro líquido contábil de R$ 12,5 bilhões, em 2017, valor 202,6% superior ao registrado em 2016. Segundo o banco, é o maior da história da instituição financeira. Contudo, mesmo assim a CEF não consegue ou não quer respeitar a LEI Nº 4901, de 9 de outubro de 2000  que obriga as agências bancárias no âmbito do município colocar à disposição dos usuários pessoal suficiente no setor de caixas, com o objetivo de que o atendimento seja efetivado em tempo razoável. Para efeitos da Lei, entende-se como tempo razoável para atendimento o de até 15 minutos em dias normais. Uma amiga empresária chegou a CEF às 12h e saiu de lá às 16h30. Segundo ela, este desrespeito da instituição é constante. 

Para que votar em candidato de fora? 

Na coluna de quarta-feira, 15, noticiei que quatros vereadores de Divinópolis vão apoiar um deputado de Nova Serrana, candidato à reeleição e que esta decisão pode deixar à cidade sem um representante local na Assembleia Legislativa. Um direito deles, mas é uma pena porque aqui temos bons candidatos a deputado estadual. 

Vejamos: 

- Rinaldo Valério: médico do SUS por mais de 30 anos. Já foi deputado estadual e autor do projeto que aumentou para 180 dias a licença maternidade, entre outros projetos aprovados. Hoje, é vice-prefeito da cidade, já foi vereador e como médico tem a solução para terminar a construção do hospital público em condições de funcionamento sustentável. 

- Aristides Salgado: arquiteto e urbanista, professor universitário, ex-prefeito da cidade por dois mandatos dos quais saiu com aprovação de 78%, ex-vereador. Em sua administração, Aristides entre outros projetos desassoreou o rio Itapecerica e criou o passe livre gratuito nos coletivos para idosos e portadores de necessidades especiais, o que hoje parece comum, mas que à época foi um diferencial e ganho muito grande para esta parcela da população. 

- Eduardo Print Junior, vereador por dois mandatos, que trouxe mais de R$ 5 milhões em verbas parlamentares e obras para Divinópolis.

Outros citarei nas próximas colunas. 

CPI dos Áudios: só queria entender 

- Por que não é ilegal vereadores irem à casa de assessor oferecer cargo comissionado e por que é ilegal a secretária municipal de Administração, Orçamento e Informação (Raquel de Oliveira Freitas), e o secretário de Governo, (Roberto Antônio Ribeiro Chaves), irem à casa do Marreco em nome do prefeito?

Só quero entender 

No mercado jurídico, comenta-se que, para remunerar uma equipe do porte da que foi montada pelo Lula teria de gastar cerca de R$ 60 milhões. Como que Lula consegue pagá-la se sua “pequena" fortuna declarada é de R$ 7,8 milhões? 

Política e cidadania

Acolhendo comentário de leitor no meu Facebook sobre a falta de incentivo à arborização em Divinópolis e aproveitando até mesmo as críticas por parte de outros pela ausência de verde na idade, que tal a Secretaria do Meio Ambiente criar modelos e estímulos para que a população plante árvores?

Comentários
×