Polícia Militar vai orientar população sobre importância de medidas preventivas contra o coronavírus em Minas Gerais

A partir de hoje (25), oficiais deverão advertir quem estiver transitando sem máscara ou participando de aglomerações

Da Agência Minas 

A Polícia Militar de Minas Gerais iniciará, nesta quinta-feira, 25, a abordagem de pessoas que não estiverem seguindo as recomendações de prevenção ao coronavírus, como o uso de máscara e o distanciamento social. A medida foi anunciada pelo governador Romeu Zema nesta quarta-feira, 24, em pronunciamento transmitido ao vivo pelas redes sociais.

O objetivo é conscientizar a população sobre a importância de redobrar os cuidados e se proteger, para conter o avanço da pandemia no estado. O governador Romeu Zema ressaltou que a ação faz parte do esforço da gestão estadual para preservar a saúde dos mineiros.

— A Polícia Militar não vai prender ninguém, não vai multar. Mas vai passar a proceder de uma maneira diferente nos 853 municípios, orientando a população e pedindo, principalmente, o uso constante e correto da máscara, que passará a ser obrigatória — explicou.

O comandante-geral da PMMG, coronel Rodrigo Sousa Rodrigues, disse que a orientação aos militares é que acompanhem e conscientizem os mineiros que ainda não estiverem seguindo as medidas de segurança.

— Nós teremos a função de orientar para fazer com que as pessoas despertem a consciência. A parte de fiscalização ficará a cargo de cada município. A PM, como já vem fazendo, entrará com um suporte. É uma guerra, é um combate, e precisamos estar conscientes. A ação de cada pessoa é o que vai garantir o resultado final. O nosso objetivo principal é preservar vidas — disse Rodrigues.

Comentários
×