PM prende infratores de Divinópolis com barras de maconha, pistola, carro blindado e mais de vinte mil reais em dinheiro

Da Redação

Na noite de sexta-feira, 10 de abril de 2020, na avenida Pe. José Viegas, bairro Recanto da Lagoa, em Pará de Minas, a Polícia Militar (PM) prendeu dois infratores de 26 e 28 anos, sendo apreendidos duas barras grandes e dois pedaços de maconha, o veículo GM Astra, blindado e usado pelos autores no tráfico, mais de R$ 20 mil em dinheiro e outros objetos. Na residência de um dos infratores, em Divinópolis, foram apreendidas uma pistola calibre 9 mm, com três carregadores e 28 munições.

Os militares foram até o bairro Recanto da Lagoa para averiguar denúncias de que suspeitos iriam entregar uma quantidade expressiva de drogas para traficantes locais comercializarem. Durante rastreamento, os militares localizaram o referido veículo, ocupado pelos dois indivíduos em atitudes suspeitas, os quais fugiram da abordagem policial, jogando uma sacola contendo as drogas citadas solo, que foram localizadas e apreendidas. O veículo foi interceptado em uma rua do mesmo bairro, sendo os infratores abordados.

No interior do veículo foram encontrados três celulares e a quantia de R$ 11.200,00 em dinheiro. O passageiro do citado automóvel, de 26 anos, incialmente forneceu nome falso, de seu irmão, mas, durante pesquisa feita pelos militares, foi constado sua verdadeira identidade, de iniciais L.C.A.F., que estava na condição de foragido do presídio de Formiga-MG. Ele foi preso em 2017, como um dos autores em tentativa de furto com explosão do caixa eletrônico de uma agência bancária da cidade de Papagaios-MG.

Através de informações repassadas por militares de Pará de Minas, os policiais do GER, Grupo Especializado em Recobrimento, da 7ª Companhia PM Independente de Policiamento Especializado, de Divinópolis, foram até a residência do motorista do veículo abordado, de iniciais A.R.C. de 28 anos, naquela cidade, onde encontraram e apreenderam a pistola e munições citadas, uma espingarda de pressão, além de mais R$ 9.200,00 em dinheiro, totalizando a quantia citada acima.

Os dois infratores foram presos e conduzidos à Delegacia de Polícia, com os materiais apreendidos.

Comentários
×