PM apreende barras de maconha no bairro Manoel Valinhas em Divinópolis

Da Redação

Como parte da operação “Saturação”, a Polícia Militar cumpriu mandados de busca e apreensão na quinta-feira, 29, no bairro Manoel Valinhas, em Divinópolis. O resultado foi a apreensão de drogas e armas.

O primeiro mandado teve como alvo uma casa na rua Cruzeiro, onde mora Thiago Silva Morais de Oliveira, de 26 anos. No local, conforme denúncia, estaria ocorrendo tráfico de drogas e o suspeito também estaria com arma de fogo.

Quando a PM chegou, Thiago de Oliveira não se encontrava. As buscas foram acompanhadas pela tia do suspeito. A polícia informou que localizou, no quarto de Thiago, dentro de uma gaveta da escrivaninha, uma arma de fogo tipo pistola cal.380, da marca Bersa, de fabricação argentina, com numeração suprimida, bem como um saco plástico com 16 cartuchos cal.380.

Já no guarda-roupa, policiais encontraram uma mochila com duas pedras de substância parecida com crack e duas barras (uma de tamanho considerável e outra de menor), além de cinco bolas prontas para o comércio, de substância com odor semelhante a haxixe.

Dentro do guarda-roupas, a PM localizou ainda uma faca com resquícios provavelmente da substância encontrada na mochila, uma faca de caça, uma capa de colete balístico, bem como três aparelhos celulares de procedência duvidosa, um saco plástico com vários pinos utilizados para armazenar e comercializar drogas, um soco inglês e dinheiro.

Os materiais foram apreendidos e encaminhados para a Delegacia de Polícia Civil. O suspeito é procurado pela PM.

Outra apreensão

A polícia cumpriu ainda mandado de busca e apreensão, também na quinta, 29, na rua Concórdia, no Manoel Valinhas. A PM recebeu informações de que havia drogas escondidas em um terreno.

Com o apoio da equipe da Rocca (Rondas Ostensivas Com Cães), foram localizadas no local: três barras e uma bucha de substância semelhante a maconha e oito pedras de substância semelhante a crack.

No local, não havia suspeitos. O material foi apreendido e encaminhado para a delegacia.

Comentários
×