Plenário discute dois projetos de lei nesta terça-feira

Da Redação

A Câmara de Vereadores de Divinópolis (MG) realiza nesta terça-feira, 22, às 14h, no Plenário Dr. Zózimo Ramos Couto, a 15ª Reunião Ordinária de 2020. Dois projetos, todos de autoria do Poder Legislativo, estão previstos para discussão e votação dos vereadores.

Os parlamentares vão apreciar o Projeto de Lei CM 016/2021, de autoria de Eduardo Print Jr. (PSDB), que denomina Luiz Carlos Rodriguesa rua Dois, localizada no bairro Residencial Boa Vista, em Divinópolis.

— Luiz Carlos Rodrigues, nasceu em Divinópolis, em 26 de janeiro de 1960, filho de Jesus Rodrigues (in memorian) e Maria de Oliveira Rodrigues, irmão de Silézia Maria Rodrigues, Sandra Rodrigues, Senira Maria Rodrigues, Sinésio Rodrigues e Sinara Rodrigues (in memorian).  Casado por 36 anos com Rosa Mary Costa Rodrigues, tiveram três filhos: Andréia Costa Rodrigues, Marina Costa Rodrigues e Luiz Carlos Rodrigues Júnior. Trabalhou até o ano de 1983 na Consomap, posteriormente trabalhou como fiscal de obras na Prefeitura de Divinópolis, sendo conhecido na cidade pelos amigos, como Camarão. A justificativa do projeto pode ser conferida neste link — informou a Câmara.

O projeto está apto para única discussão e votação. O parecer das comissões são pela legalidade e aprovação.

Em seguida, o Plenário vai analisar o Projeto de Lei CM 023/2021, que institui o turismo educativo em Divinópolis, de autoria do Vereador Flávio Marra. O parecer das comissões são pela legalidade e aprovação, e o projeto está apto para única discussão e votação.

O projeto de lei esclarece em sua justificativa que busca promover e fomentar a integração dos alunos em formação às riquezas culturais e potenciais turísticos do município, proporcionando o conhecimento e a valorização do acervo cultural e histórico da cidade pelo indivíduo, procurando fortalecer os laços com a sua própria raiz. Segundo o projeto, há ainda a preocupação de introduzir nas escolas temas que visem trabalhar questões relacionadas ao patrimônio e a memória local.

— O resultado final desse projeto poderá ser muito satisfatório e gratificante, como o amadurecimento no seu conceito de cidadão, para a valorização do patrimônio cultural e turístico, pois poderá conseguir atingir os alunos em aspectos muito importantes como no interesse e motivação, o que já é um ponto inicial para que com a execução desse trabalho, mais alunos tenham uma mudança de mentalidade em relação às próprias raízes e a própria identidade cultural — informou a Câmara.

Tribuna Livre

Inscrito para uso da Tribuna Livre, o cidadão Ricardo Godoy vai falar sobre o CGO das vans escolares, exercício 2020 e 2021.

A 15ª Reunião Extraordinária de 2021 poderá ser acompanhada ao vivo pela pelo Facebook, YouTube, Twitter e Portal do Legislativo.

Comentários
×