Peixe Lajes é campeão do Torneio Clandestino

Final da competição na categoria 40+ foi na manhã de domingo

José Carlos de Oliveira

A grande decisão do Torneio Clandestino, que teve a participação de quatro equipes e foi disputado no Sítio da Brahma, ocorreu na manhã deste domingo. Brigaram pelo título, com a presença de um bom número de torcedores, os times do Peixe Lajes e da Chapecoense. O Peixe levou a melhor e levantou a taça de campeão na disputa de penalidades máximas, vitória por 2 a 1, depois de um empate em 2 tentos a 2 no tempo regulamentar.

Muita luta e garra

Durante todo o tempo o duelo foi equilibrado. Os dois times se empenharam em todas as jogadas e atuaram sempre em busca do gol. Depois de um  0 a 0 na primeira etapa, o Peixe Lajes saiu na frente do placar, com gol do artilheiro Misael Nunes, o Misagol, em falha do goleiro da Chapecoense.

Quando ninguém mais esperava por uma reação, a Chapecoense foi para cima do adversário e chegou à virada, com dois gols de cabeça do oportunista Eduardo Aparecido. Quando a partida já caminhava para o seu fim, apareceu a marca do craque do time e dono do jogo, o melhor jogador em campo, Alex Mantena, que chutou de longe, rasteiro no canto esquerdo do goleiro Tiago, para deixar tudo igual em 2 a 2 e levar a decisão para as penalidades máximas.

Na disputa, destaque para os dois goleiros, que defenderam metade das seis cobranças realizadas. Eduardo, o Du, do Peixe Lajes, levou a melhor ao defender duas penalidades máximas, levando seu time ao título. 

Nas cobranças alternadas, o Peixe Lajes começou batendo, com Alexsandro parando na defesa do goleiro Tiago. Na sequência, Du defendeu a cobrança de José Alves. No segundo pênalti de cada equipe, Alex Mantena e Deusdete dos Santos converteram e deixaram tudo para a última cobrança. Mizael bateu e colocou o Peixe Lajes em vantagem por 2 a 1, ficando para o herói do dia, o goleiro Du, defender a cobrança do artilheiro do jogo, Eduardo Aparecido, dando números finais ao espetáculo.  Equipe e torcedores do Peixe Lajes festejaram mais um título no futebol amador da cidade, o do Torneio Clandestino.

 

Comentários
×