Novos negócios crescem

 

 

Pablo Santos 

O volume de empreendedores individuais em Divinópolis seque em ritmo acelerado enquanto em Minas Gerais o percentual de crescimento é menor e no Brasil a quantidade de novas formalizações declina, de acordo com os dados do Portal do Microempreendedor.

O Microempreendedor Individual (MEI) é a figura jurídica criada em 2009 para formalizar microempresários autônomos cujos negócios têm um rendimento anual de no máximo R$ 81 mil (limite ampliado em 2018).

Conforme as estatísticas, Divinópolis possui exatamente 14.639 microempreendedores cadastrados até setembro. A quantidade é 9,26% maior quando se comparado com o ano passado, com 13.398 formalizações no município nos nove primeiros meses.

Em Minas Gerais a quantidade de formalizações também cresceu até setembro. Estão cadastrados no MEI 855.699 unidades neste ano. Em 2017 eram 830.042 – ou seja, a alta foi de 3,09%.

Na contramão das formalizações, o “Portal do Microempreendedor” registra queda no Brasil. Segundo os dados disponíveis, são 7,4 milhões de formalizados até setembro deste ano. No ano passado estavam ns registros 7,5 milhões de formalizações, representando uma ligeira queda de 1,13%.

Sala 

A Sala do Microempreendedor no Centro Administrativo da Prefeitura de Divinópolis atende aos interessados em sair da informalidade.

Os microempreendedores contam com serviço de orientação ao interessado em abrir negócio ou a quem possui empresa formada. No espaço, os microempreendedores conhecem os passos para abrir o próprio negócio ou recebem orientações para aprimorar as atividades.

O atendimento é exclusivo ao microempreendedor individual para auxiliar o início do empreendimento com as partes burocráticas, como alvarás e CNPJ e acompanhá-lo no crescimento empresarial.

O espaço para atender aos empreendedores funciona no quarto andar do Centro Administrativo, na Secretaria de Desenvolvimento Econômico, sala 405. O horário de atendimento é das 12h às 18h.

 

Comentários
×