Nova Serrana e Formiga lideram emprego em 2019

 

Pablo Santos

A geração de emprego das principais cidades do Centro-Oeste registrou variação. Nova Serrana e Divinópolis foram cidades com corte de oportunidades. Já Formiga, Itaúna e Pará de Minas apontaram abertura de vagas, de acordo os dados do Ministério da Economia. Apesar da eliminação de oportunidades, Nova Serrana e Formiga lideram o volume de vagas no acumulado do ano.

De acordo com os dados do órgão federal, foram encerradas em Nova Serrana 412 oportunidades de trabalho em maio.

Divinópolis também fechou vagas em maio. Conforme as estatísticas, foram eliminadas da cidade 56 oportunidades formais de emprego.

Das maiores cidades do Centro-Oeste, Formiga foi o município com maior volume de vagas de trabalho criadas: 207.

Itaúna também abriu oportunidades de emprego na cidade. Conforme os dados do Ministério da Economia, 63 vagas foram criadas no município em maio. Já em Pará de Minas foram abertas 21 oportunidades de trabalho.

Acumulado

No acumulado do ano, a situação de Nova Serrana é positiva. De acordo com os dados, foram abertas 2,6 mil vagas de trabalho de janeiro a maio. No mesmo período do ano passado, a situação foi um pouco melhor, com 2,7 mil postos de trabalho gerados.

Formiga foi a segunda cidade com maior volume de emprego no acumulado do ano: 462. Já no ano passado, no mesmo período, foram eliminadas 254 vagas de trabalho.

Em Itaúna, de janeiro a maio, foram criadas 269 oportunidades, contra 239 do ano passado. 

Na sequência, aparece Divinópolis, com 196 vagas criadas no acumulado de 2019, apontou o Ministério da Economia. Em 2018, a situação foi bem melhor: 889 postos de trabalho abertos no município. Em Pará de Minas, foram criadas 104 oportunidades de janeiro a maio.

 

Comentários
×