Nossa coluna em retrospectiva

Renata Rachid 

O ano de 2020 está chegando ao fim e  me faltam palavras para definir que ano foi este!

O ano mais inacreditável de nossas vidas. Em todo o mundo, fomos tomados por sentimentos de surpresa, incredulidade, medo, incerteza, mas, também, por muita resiliência, aprendizado e solidariedade.

Ninguém escapou. Todos nós tivemos que nos adaptar e rever planos.

Hoje, trouxemos uma breve retrospectiva com os assuntos mais marcantes citados nesta coluna. Te convido para essa viagem e proponho uma reflexão sobre os acontecimentos.

Que o Ano Novo venha em clima de cura, renovação e esperança!

Que cada um de nós possa, à sua maneira, fazer o próximo ano o melhor de todos até agora!

Seja bem-vindo, 2021!

Beijo grande de luz!

2-MARÇO 2020

Conectados

Ao olharmos da janela vemos um cenário nada comum. O comércio se encontra quase todo fechado, com ruas vazias e pouquíssima circulação de pessoas. É triste, parece ficção, mas é uma realidade necessária.

Se você pode, fique em sua casa, pois assim evitaremos o pior. Isso é um fato!

Por outro lado, me alegro em ver a nossa capacidade de nos adaptarmos e nos reinventarmos.

As redes sociais, agora mais do que nunca, se tornaram importantes instrumentos de trabalho e de comunicação. Grupos de solidariedade e de divulgação são formados a todo momento, seja em auxílio ao pequeno empresário ou para causas sociais.

Serviços como “home office”, “delivery” e “drive thru” estão a todo vapor!

E as pessoas estão mais conectadas do que nunca! Estamos diferentes, é verdade, iremos sobreviver a essa crise e ainda nos reiventaremos!

3-ABRIL 2020

A retomada das atividades comerciais de nossa cidade foi iniciada ontem.

De acordo com decreto municipal, todas as pessoas que forem adentrar em qualquer ambiente fechado deverão usar máscaras. O documento também define os horários e dias específicos nos quais cada segmento poderá funcionar. O não cumprimento das regras, que são rígidas e necessárias, acarretará advertência, multa, interdição do estabelecimento e, até, cassação do alvará.

A reabertura renova as esperanças e traz ânimo para os empresários e para a população.

Por sua vez, é prudente que não nos esqueçamos do inimigo invisível!

O NOVO CORONAVÍRUS ainda está entre nós!

A definição do nosso futuro, agora mais do que nunca, depende da conduta consciente  de cada um.

Façamos nossa parte com responsabilidade e respeito!

Estou na torcida!

4-MAIO 2020

Quantas vezes você já reclamou de não ter tempo para fazer algo que gosta? Com certeza, agora é o momento de investir naquele hobby de pintar, desenhar, escrever, ler ou aprender a cozinhar.

Apesar das desvantagens do isolamento social, também é uma boa hora para esquecer as desculpas e começar a dar atenção para atividades que você deixava de lado.

Otimize o seu tempo.

Deixe um pouco o celular e a TV e mãos à obra.

Que tal aproveitar!?

Na internet, há  bons conteúdos gratuitos disponíveis. É possível assistir aulas on-line, fazer cursos e, quem sabe, desenvolver uma nova paixão. 

5-JUNHO 2020

A morte de George Floyd, cidadão negro dos Estados Unidos, motiva protestos pelo mundo. Mesmo em meio à pandemia do coronavírus, manifestantes pedem por justiça e igualdade!

Multidões de brasileiros, em mais de 20 capitais do nosso país, foram às ruas neste domingo, 7. Os cidadãos entoavam pedidos a uma só voz . Até torcidas rivais se uniram contra o racismo, repressão policial, fascismo e defesa da democracia.

Os protestos, em sua grande maioria, foram pacíficos.

Acredito nas atitudes!

SETEMBRO  2020

A pandemia provocou mudanças em toda a sociedade. O aumento das pressões, o isolamento social, o medo, a incerteza e as perdas decorrentes da covid-19 são mesmo desafiadores.

Por isso, falar de saúde mental é mais urgente do que nunca e a conscientização é essencial para redução dos índices de suicídio.

Ao longo deste “Setembro Amarelo”, mês de prevenção do suicídio, as pessoas costumam estar mais abertas para se informarem sobre a importância de buscar apoio.

A Centro de Valorização à Vida (CVV) trabalha esse tema durante todo o ano. Diversas ações on-line, como palestras e debates, são promovidas.

Acolher sem criticar, conversar sem julgar, compreender os sentimentos daqueles que passam por momentos de tristeza, ansiedade, medo ou sensação de solidão, compõe a filosofia da CVV.

Todos nós podemos e devemos incorporar essas atitudes no nosso dia a dia, seja com um amigo, um colega de trabalho, um familiar ou alguém que esteja precisando apenas ser escutado.

Se você estiver precisando conversar, ligue 188 ou mande um e-mail pelo site www.cvv.org.br. Mas, se quiser se tornar um voluntário, também é possível se inscrever por lá.

Vamos aproveitar o movimento para, juntos, garantirmos que a saúde emocional possa ser discutida sempre!

Pessoas precisam de pessoas! 

7-OUTUBRO 2020

Em 2020, a importância dos professores ficou ainda mais evidenciada. São muitos os desafios enfrentados em tempos de pandemia e estes profissionais têm se desdobrado, ainda mais, para apoiar os seus alunos.

Em meio a tantas dificuldades e adaptações, nossos professores estão fazendo quase o impossível! A educação não pode parar, pois, somente por meio dela, são verdadeiramente construídos os cidadãos do futuro.

O Dia do Professor, 15 de outubro, é uma data de celebração e homenagem aos profissionais que contribuem tanto para o progresso do nosso amado país.

Nas palavras de Paulo Freire:

“Se a educação sozinha não transforma a sociedade, sem ela, tampouco, a sociedade muda”.

Alguns heróis usam capa e sabem voar. Os professores, por sua vez, usam livros e sabem nos ensinar!

Gratidão e parabéns a todos os nossos mestres!

8-NOVEMBRO 2020

Não consigo me lembrar de uma outra profissão que esteja tão desmoralizada quanto a dos políticos no Brasil. Há bastante razão para o descrédito. Afinal, dia sim – e outro também – notícias dão conta de que boa parte da classe política está envolvida em escândalos de corrupção.

Tenho escutado muito a frase: “Não acredito mais na política”!

Reconheço, está muito difícil!

Mas, acredite, não há solução fora da política e sem os políticos. Não adianta dizer que são todos corruptos. Não adianta protestar e não votar. Não adianta encher o peito e afirmar que não gosta de política. Esse desinteresse só ajuda os maus políticos. Essa apatia apenas os alimenta e lhes dá poder. Ao rejeitá-los, os fortalecemos. Ao ignorá-los, somos coniventes com seus atos. Pior: o descrédito com políticos afasta os jovens da política. Muitas pessoas sonhadoras que gostariam de mudar a sociedade desistem por conta do sistema corrupto.

Precisamos de pessoas bem intencionadas na política!

Estamos a menos de uma semana das eleições municipais e o voto é a chance que temos de nos expressar. Por isso é tão importante votar em quem você acredita e não fazer do seu voto apenas um “voto útil”.  Precisamos acreditar no que pode ser bom, renovar as lideranças!

Para isso, é preciso acreditar na política como uma força transformadora capaz de mudar a sociedade. Exercer a cidadania não se resume a depositar o voto na urna. É preciso fazer política todo dia, toda hora, todo minuto, a cada segundo. Na sua casa, no seu bairro, na escola, no trabalho, em qualquer lugar. A hora é agora!

Só assim, começaremos a construir a consciência de que a política é responsabilidade de todos nós!

Pense nisso e faça valer!

9-DEZEMBRO 2020

Adquirir o hábito de se planejar pode demorar um pouco, mas saiba que é muito produtivo e prazeroso.

Ter uma rotina planejada faz com que seu tempo seja usado para coisas que realmente importam e traz aquela sensação de que tudo está fluindo.

Quando não nos planejamos é comum sentirmos, ao fim do dia, que não rendemos quase nada ou que procrastinamos mais uma vez, deixando para depois as coisas que são importantes de fato.

Isso gera frustração e desânimo.

Ao preencher planejadamente cada hora do nosso tempo com ações que vão nos ajudar a realizar nossos objetivos, percebemos uma grande melhora na produtividade, com uma sensação de dever cumprido que, de fato, é maravilhosa!

Comentários
×