Nivaldo Batista será aclamado presidente do Guarani amanhã

Votação será realizada à noite na sede do clube, no estádio Waldemar Teixeira de Faria

José Carlos de Oliveira

Com chapa única, tanto para a diretoria quanto para o Conselho Deliberativo, o Guarani elege amanhã seus novos dirigentes para os próximos anos.

A votação acontece no estádio Waldemar Teixeira de Faria  e serão eleitos o novo presidente do clube, para o biênio 2020/2022, e o presidente do conselho para o próximo triênio, de 2020 a 2023.

A votação começa às 19h, em primeira chamada, e às 19h30, em segunda chamada, com todas as medidas de distanciamento, higienização e uso de máscaras, em função da pandemia da covid-19, para garantir a segurança de todos os presentes.

As chapas

As eleições para diretoria e Conselho Deliberativo, terão chapa única. Os membros devem ser aclamados vencedores e tomar posse logo em seguida.

O candidato a comandar o Bugre é Nivaldo Batista (Araújo), que já definiu alguns dos futuros companheiros de diretoria. Confira quem estará à frente do Bugre nos próximos anos:

presidente: Nivaldo Batista Silva;

vice-presidente: Bruno Silva Quirino;

diretor de Futebol Profissional: Carlos Alberto Muniz Júnior; 

diretor de Marketing: Maurício Mendonça; 

diretor de Futebol das Categorias de Base: Gilberto Lázaro Souto;

diretor do Departamento Médico: Antônio de Pádua;

diretor de Patrimônio: Marcelino Gonçalves Ferreira.

Conselho

Para o Conselho Deliberativo, também com chapa única, Aléssio Salomé concorre a mais um mandato, tendo como companheiros de chapa Geraldo Martins na vice-presidência, e Rodrigo Ferraz como secretário.

Novo treinador

Aclamado presidente na eleição que acontece amanhã, Araújo já trabalha na formação da comissão técnica que comandará o Bugre no estadual, e o nome do treinador deve ser Coutinho, que recentemente comandou o Atlético Goianiense.

Comentários
×