MVB 2017 mostra verão 2018

Feira movimenta o comércio não só do vestuário

 

Jorge Guimarães  

A crise econômica diminuiu ainda mais a competitividade brasileira. A cidade que sempre foi considerada a capital da moda teve que se reinventar e para movimentar a moda na cidade. Para alavancar o setor, a diretoria do Sindicato da Indústria do Vestuário de Divinópolis (Sinvesd) trouxe para a cidade a feira Minas Veste Brasil (MVB), que antes era realizada em Belo Horizonte. Assim, sua primeira edição, em terras divinopolitanas, aconteceu entre os dias 17 e 19 de março deste ano, no Espaço Da Vinci, quando ocorreu o lançamento da moda Outono/Inverno 2017. 

Comércio 

A primeira edição da feira transformou Divinópolis em território fashion mineiro. Evento este que movimentou o comércio do Centro da cidade, durante a realização do MVB. E quem se beneficiou foi a rede hoteleira, sendo que três hotéis centrais ficaram com 100% de ocupação para o final de semana da realização da feira.  

Outros que lucraram foram os prestadores de serviços como lanchonetes, restaurantes e fast food, também com movimentos acima da média. Na ocasião, circularam pela cidade centenas de empresários, consultores, estilistas e compradores.  

— Na ocasião, apesar da expectativa e, para nossa alegria, a dimensão do evento cresceu tanto que ao invés de recebermos 500 convidados, entre empresários e compradores, estes números acabaram chegando a casa dos 700 participantes —analisou o presidente do Sinvesd, Marcelo Marcos Ribeiro. 

Assim, o encontro mostrou a força da confecção na cidade, movimentou a economia, principalmente no segmento de prestação de serviços e provou que realizações de grandes eventos são fundamentais para as cidades que os sediam, pois estimulam a geração de emprego, renda e desenvolvimento da infraestrutura.   

— Um acontecimento como o MVB valoriza as empresas, conectando oportunidades, pessoas e marcas. Trazendo o evento para Divinópolis, conseguimos mostrar a força da confecção, quando batemos nossa expectativa de vendas, que girou em torno dos R$ 5 milhões — avaliou Marcelo Marcos Ribeiro. 

Verão  

Agora, o sucesso continua, nos dias 25 e 26 próximos, quando acontecerá a 7ª edição, a segunda em Divinópolis, do MVB Minas Veste Brasil Verão 2018 e Divinópolis vai se transformar no Distrito Fashion Mineiro. 

O Espaço Da Vinci irá abrigar com comodidade, segurança e infraestrutura moderna a todos os visitantes, expositores e compradores em um único lugar, incentivando e promovendo o setor vestuário em Minas. 

O MVB vai conectar cidades, lojas, marcas de vários segmentos, com o melhor da moda masculina, feminina, plus size, infantil, acessórios, moda praia e fitness. 

Negócios  

Para quem compra, as vantagens vão desde descontos fiscais, possibilidades para subsídios para passagem, hospedagem, até incentivos financeiros. Para quem é expositor, existem oportunidades para novos negócios e troca de experiências com empresários de todo o estado. 

Nesta edição, se espera mais uma vez alcançar e superar cada vez mais os números que crescem a cada ano. 

Serão mais de 60 empresas, cerca de 300 compradores de todo país, com participação das Câmaras de Dirigentes Lojistas (CDLs). As estimativas apontam para mais de 90 mil peças a serem vendidas nesta edição e negócios realizados acima de R$ 6 milhões.  

— Números que mostram a força e o crescimento do Minas Veste Brasil. Em agosto, o melhor da moda mineira em um só lugar e, você é nosso convidado — enfatiza o presidente.  

 

  

 

Comentários
×