Música, sempre!

Marco Aurélio Braga 

Em tempos apreensivos causados pelo avanço da pandemia do coronavírus, aproveitamos este espaço para boas novas. Hoje vamos usá-lo para elucidar o que está acontecendo com a música em Divinópolis! Isso mesmo! Por aqui tem muita novidade na área, com grandes e bons projetos musicais que movimentam a cena, sem precisarmos sair de casa para conferir tudinho. O vazio da quarentena é uma nova oportunidade de passar o tempo e se preencher, e que seja de boa música!

E ela era louca

Três amigos e uma ideia eternizaram o projeto musical da banda Os Habitantes, isso em 1994, embora o álbum nunca tenha sido lançado oficialmente. Agora, 26 anos depois, Gedley Braga, Rodrigo Fonseca e Cláudio José resolveram retomar esta história e lançaram um vídeo, com versão remasterizada, da canção “E ela era louca” (letra e música de Gedley, que também assina a direção de imagem do vídeo que tem edição de Rodrigo) e poderá ser acessado em todas as plataformas de streaming.

Novos rumos

Ronaldo Mascarenhas deixou um pouco de lado as competições de wakeboard ‒ que sempre fez mundo afora, com direito a vários troféus em sua estante ‒ e passou a dedicar seu tempo quase que exclusivamente a música. RBZ montou um estúdio com estrutura digital, equipada com o melhor que há no mercado no segmento e tem composto várias músicas. Uma delas, criada juntamente com  Michel Lara (Mitch), foi a trilha escolhida por Rafa Paiva, um dos maiores pilotos de drone race para o seu novo clipe. Para conferir as novidades musicais de Ronaldo Beleza, é só acessar o Spotify no endereço open.spotify.com/track/5uyhHtjk30cEJUdkdcJKo8?si

Sem multa

Fechada desde o dia 18 de março, a Biblioteca Municipal Ataliba Lago não cobrará multas aos leitores que realizaram empréstimos e renovações ‒ presencialmente ou pela internet ‒ de materiais até a data.

Projeto

Vale reforçar a importância do apoio a empresários e profissionais liberais que criaram um projeto que visa auxílio aos mais necessitados neste período incerto de pandemia em todo o mundo. O União Divinópolis ‒ Aliança enfrentamento Covid-19 oferecerá cestas básicas, disponibilizadas pela Rede ABC ao preço de custo de R$ 39,90 ( a rede doou mil cestas). A população poderá somar no projeto doando quantas cestas básicas quiser, por meio de depósitos no valor correspondente na conta da Caixa, agência 0113, conta corrente (Pessoa Jurídica) número 623036-8. Os alimentos serão doados a famílias carentes. Os comprovantes devem ser enviados para o Rafael, da Francisco Imóveis, (37) 98811-8682.

Auxílio

Pessoas em situação de rua estão mais expostas ao risco de contrair o Covid-19. Em Divinópolis, a Comunidade Sacramento de Amor, instituição sem fins lucrativos, que atende pessoas dependentes de álcool e drogas, presta assistência a esse grupo durante o período da pandemia. O projeto atende também dependentes químicos, a iniciativa é uma parceria entre a Prefeitura e a entidade. As pessoas assistidas terão acesso a alimentação e higiene pessoal. O Comitê Gestor de Políticas sobre Drogas prepara uma rede de contato público e privado de doações para manter o programa. A Diocese de Divinópolis vai custear por três meses o salário de dois funcionários em regime de escala, que vão atuar no serviço de acolhimento.

No Youtube

Adélia Prado está no projeto “Sempre um Papo” denominado #OutonoEmCasa, no YouTube. Ao longo dessa quarentena, o canal vai selecionar e indicar programas com os escritores que estão disponíveis no arquivo. Um dos destaques é o programa com a divinopolitana, gravado no evento de comemoração de 30 anos do “Sempre Um Papo”, em 16 de março de 2016. À época, a poetisa lançou o livro “Poesia Reunida”. A emoção tomou conta de todas as mais de 1,5 mil pessoas que lotaram o Grande Teatro do Palácio das Artes, em Belo Horizonte, quando Adélia Prado convidou o público para rezar junto com ela a oração do Pai-Nosso.

Comentários
×