Muros da Escola Professor Bahia são revitalizados com o tema Mata do Noé

Da Redação

A Escola Municipal Professor Bahia, localizada no bairro Nova Holanda, recebeu, nas últimas semanas, a instalação de uma nova pintura, homenageando a Mata do Noé, localizada na região. A ação faz parte do projeto “Corra - Circuito Cores na Rua”, que já realizou pinturas do estilo graffiti em vários pontos de Divinópolis.

O projeto é idealizado pelo Ateliê Conte Comigo, executado pelo artista plástico William Pinguim e conta com o apoio da Prefeitura, através da Secretaria Municipal de Cultura (Semc). Mariana Bernardes, produtora cultural do “Corra”, enfatiza a importância da arte expressa nos muros da escola e conta o processo de produção.

— Dialogamos diretamente com toda a comunidade, tanto crianças, quanto famílias e funcionários da instituição. Temos o compromisso de levar a arte para estes espaços, pois a arte dialoga, planta e reacende a capacidade da comunidade, principalmente com as crianças de sonhar, de conduzi-las para nossos objetivos — completa.

Segundo o artista plástico William Pinguim, a temática da pintura harmoniza com o local.

— O objetivo do Corra pintar no muro da escola, próxima a Mata do Noé, tenta gerar o pertencimento do local, da preservação da mata que faz parte do entorno do local. A arte faz as pessoas pensarem sobre e gera o sentimento de amor pela comunidade onde vivem — relata William.

O diretor da EM Professor Bahia, Alisson Ferreira, ressalta sobre a representação da preservação por meio da arte.

— Crianças e adolescentes da comunidade crescem com essa exuberância da mata. Essa educação ambiental, representada pela arte, é um grito de preservação. Para nós, a representação da Mata do Noé é um tesouro pedagógico, cidadão e que está imortalizado em nossa escola através dos muros — conclui.

 

Comentários
×