MPMG inaugura novas instalações em Divinópolis e Nova Serrana

Da Redação

O Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) inaugurou na última quinta-feira, 20, novas instalações para abrigar as respectivas Promotorias de Justiça das cidades de Nova Serrana e Divinópolis. Ambas as sedes contam agora com espaços adequados para promotores de Justiça e servidores do MPMG prestarem um melhor atendimento aos cidadãos nova-serranenses e divinopolitanos.

Divinópolis

A nova sede provisória, que foi locada, unifica os endereços do MPMG e proporciona um local de trabalho mais adequado e seguro para servidores e membros. O endereço é rua São Paulo, 335, Centro. No imóvel o MPMG conta com três andares exclusivos (10º, 11º e 12º), divididos em 24 salas. Nesses andares estarão instaladas a secretaria, o Procon, as coordenadorias regionais e as 13 Promotorias de Justiça. O 9º andar conta uma sala de reunião e um refeitório/copa. A área útil de ocupação é de 1.392,13 m².



O diretor da secretaria das Promotorias de Justiça de Divinópolis, promotor de Justiça Sérgio Gildin, fez um agradecimento especial à administração do MPMG, setor de Engenharia, Arquitetura e Manutenção Predial e servidores de Divinópolis. Segundo ele, todos se empenharam para que a unificação das Promotorias de Justiça fosse concretizada.

— Temos agora um local adequado para receber o cidadão, pois foram feitas adaptações e adequações obedecendo normas de acessibilidade, segurança, climatização, elétrica entre outras — destacou Gildin.

Para o procurador-geral de Justiça, mais do que conforto e segurança para membros e servidores e economia em razão da unificação de endereços das Promotorias de Justiça, a importância das novas instalações está diretamente ligada à população de Divinópolis.

— O Ministério Público está de portas abertas para receber o cidadão e suas demandas. Aqui ele terá oportunidade de manter uma interlocução com todas as áreas de atuação do MPMG, o que representa um ganho na questão do atendimento e cumpre o princípio da unidade que rege a Instituição — ressaltou Tonet.



Assim como em Nova Serrana, Tonet ressaltou a importância das parcerias com as demais instituições.

— Estamos vivendo a era do diálogo, da interlocução entre as instituições para que os problemas que a sociedade enfrenta sejam resolvidos. Evidentemente sem abandonar, quando necessário, a questão da punição. Não compactuamos com a impunidade, mas temos condições de resolver várias questões por meio do diálogo. Estamos buscando isso por meio da resolutividade e Divinópolis tem dado um exemplo muito importante por meio do Ministério Público, Poder Judiciário, Defensoria Pública, OAB, Polícias Civil e Militar e demais parceiros — destacou Antônio Sérgio Tonet.



Presenças

Além de Tonet e Sérgio Gildin, compuseram o dispositivo de honra da solenidade o chefe de gabinete da Corregedoria-Geral do MPMG, procurador de Justiça Rogério Filippetto de Oliveira; procurador do município, Wendel Santos de Oliveira; diretor do Foro da Comarca de Divinópolis, juiz de Direito Marlúcio Teixeira de Carvalho; procurador do Ministério Público do Trabalho, Alessandro Batista Beraldo; coordenador regional da Defensoria Pública em Divinópolis, defensor público Vanderlei Capanema; conselheira da OAB (seccional Divinópolis), advogada Eloísa Helena Santos; e a ouvidora do MPMG, procuradora de Justiça Maria Conceição de Assumpção Mello.

Compareceram à cerimônia a procuradora de Justiça adjunta Institucional, Cássia Virgínia Gontijo; procurador-geral de Justiça adjunto Administrativo, Heleno Rosa Portes; diretor do Centro de Estudos e Aperfeiçoamento Funcional do MPMG, procurador de Justiça Edson Ribeiro Baeta; chefe de gabinete da Procuradoria-Geral de Justiça (PGJ), promotor de Justiça Carlos Henrique Torres de Souza, secretário-geral da PGJ, promotor de Justiça João Medeiros Silva Neto; comandante da 7ª Região da Polícia Militar, coronel Webster Wadim Passos Ferreira de Souza; chefe do 7º Departamento de Polícia Civil em Divinópolis, delegado Flávio Destro, comandante do 10º Batalhão de Bombeiros Militar, major Amanda Cristiana Miranda; representantes do Poder Legislativo, demais promotores de Justiça de Divinópolis e servidores do MPMG.

Nova Serrana

A nova unidade, que também foi locada, ocupa uma área útil de 447,5 m². As quatro Promotorias de Justiça, secretaria, sala de reunião, recepção e espaços para analistas estão distribuídas em 14 salas. O endereço é avenida Coronel Pacífico Pinto da Fonseca, 170, bairro Fausto Pinto da Fonseca.



Segundo o promotor de Justiça Alderico de Carvalho Júnior, diretor da secretaria das Promotorias de Justiça de Nova Serrana, “as novas instalações estão mais adequadas à crescente demanda do MPMG no município. Esse novo espaço, conta com uma estrutura excelente para atender o cidadão e reforça a identidade da Instituição”, ressaltou.



Sobre a atuação do MPMG na região, o promotor de Justiça destacou que, desde sua chegada à Nova Serrana, em 2013, “os índices de criminalidade e violência têm caído constantemente devido ao trabalho em sinergia com as demais instituições parceiras, como as Polícias Militar e Civil, Poder Judiciário, Defensoria Pública, Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) entre outros”.

Para o procurador-geral de Justiça Antônio Sérgio Tonet, somente por meio do trabalho em conjunto com instituições parceiras o MPMG poderá atender de forma eficiente as demandas da sociedade.

— Essa sinergia, destacada pelo promotor de Justiça Alderico de Carvalho, é importantíssima para garantir a concretude das políticas públicas e agora com as novas instalações isso é reforçado. Quando as instituições se isolam essas políticas públicas deixam de ser implementadas. Aqui em Nova Serrana podemos perceber como essa atuação conjunta tem alcançado resultados positivos para a região. No entanto, temos ainda muitos problemas para enfrentar e precisamos avançar no combate à criminalidade, corrupção, defesa do meio ambiente, da saúde, das crianças e adolescentes, consumidor entre tantas outras áreas de atuação — afirmou Tonet.

Tonet fez ainda um agradecimento especial ao Poder Judiciário “que durante vários anos cedeu ao MPMG espaços para que promotores de Justiça e servidores pudessem exercer suas funções”.



Presenças

Além do procurador-geral de Justiça e do promotor de Justiça Alderico de Carvalho,  a cerimônia contou com as presenças do deputado estadual Fábio Avelar de Oliveira; corregedor-geral do MPMG, procurador de Justiça Luciano França da Silveira Júnior; ouvidora do MPMG, procuradora de Justiça Maria Conceição de Assumpção Mello; procurador-geral de Justiça adjunto Administrativo Heleno Rosa Portes, secretário-geral da Procuradoria-Geral de Justiça, promotor de Justiça João Medeiros Silva Neto; representantes do Poder Judiciário, OAB, Defensoria Pública, Polícias Civil e Militar, Corpo de Bombeiros, Poderes  Executivo e Legislativo de Nova Serrana, Araújos e Perdigão, demais promotores de Justiça de Nova Serrana e servidores do MPMG.

Comentários
×