Ministro do Turismo assegura empenho no estímulo ao potencial do Lago das Roseiras

Da Redação

O vereador Carlos Eduardo Magalhães (Republicanos), foi recebido na última quarta-feira, 24, pelo ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio. Acompanharam o vereador o presidente do Conselho Comunitário Lago das Roseiras, Jerônimo Gomes, e os empresários Marcelo Silva e Cristiano Dallas.

A agenda teve o objetivo de discutir projetos relacionados ao potencial turístico do Lago das Roseiras.

O vereador solicitou ao ministro recursos para implantação de quatro portais turísticos, com reconhecimento facial e identificação de placas de veículos, sendo três nos acessos da cidade e o outro na entrada do Lago das Roseiras, sendo uma forma de manter a segurança da população divinopolitana e dos turistas. Foram solicitados ao ministro também recursos para as obras de infraestrutura para implementar e fomentar o turismo náutico no Lago das Roseiras.

Turismo e emprego 

Na visão do vereador, o turismo náutico representa um imenso potencial em Minas Gerais como uma forma sustentável de explorar as riquezas naturais, históricas e culturais do estado, gerando empregos alinhados com a vocação própria de cada região.

— Para que o setor náutico se desenvolva em Divinópolis, tem que ser pensado como um todo, e não somente em termos de barcos e marinas — disse Carlos Eduardo. 

Proposta 

Empenhado e disposto a apoiar o desenvolvimento do turismo náutico do Lago das Roseiras, o ministro Álvaro Antônio já solicitou que Carlos Eduardo Magalhães cadastre a proposta no sistema por meio da Prefeitura.

— Divinópolis é uma cidade que merece todo o nosso respeito e atenção, pelo potencial turístico, cultural e econômico. Recebi estes dois grandes amigos, alguns pleitos já foram colocados na mesa e oficializados também, e a gente vai trabalhar em conjunto com o vereador Carlos Eduardo e com o Jerônimo para que possamos realmente levar mais desenvolvimento econômico e melhora na qualidade de vida das pessoas e, obviamente, o fomento do turismo nessa importante cidade do Centro-Oeste mineiro — ressaltou o ministro.

Vocação 

Carlos Eduardo Magalhães ratifica que Divinópolis possui localização privilegiada e vocação natural para a exploração do turismo em diversas vertentes, como o turismo de lazer, de negócios, histórico, ecoturismo, náutico, turismo esportivo, gastronômico e religioso.

— O turismo é uma das mais importantes atividades sociais e culturais da humanidade. Além de garantir o desenvolvimento de muitas áreas e movimentar a economia mundial, o setor promove a transformação das cidades, a valorização da história e a interação entre diferentes povos — destaca. 

O vereador diz acreditar que fomentar o turismo náutico do Lago das Roseiras é uma importante estratégia para garantir a visitação ao município, movimentando diversos serviços.

— Além disso, possibilita maior rentabilidade e produtividade para a cidade, garantindo a geração de emprego e renda para a população — conclui. 

Comentários
×