Militares de Israel começam buscas em apoio aos bombeiros em Brumadinho

Anna Lúcia Silva

A ajuda humanitária com cerca de 130 militares de Israel que desembarcou neste domingo na capital, iniciou os trabalhos de busca junto com bombeiros brasileiros. Ainda nas primeiras horas da manhã serão repassas informações à imprensa de como estão os trabalhos dos militares israelenses.
O grupo é composto por homens e mulheres, sendo médicos, engenheiros, bombeiros e técnicos. Com eles trouxeram 16 toneladas de equipamentos, incluindo sonares que detectam calor, vozes, eco e conseguem vasculhar em profundidades.

Para muitos moradores que estão à procura de notícias de parentes e amigos, os militares de Israel representam mais uma fonte de esperança, que tem diminuído a cada hora que se passa. Os militares já encontraram pessoas com vida depois de 100 horas no terremoto do Haiti.

“Eles significam esperança para todos que buscam por notícias de quem está desaparecido, assim como irmã, que estava na pousada e até agora não consegui nenhuma informação”, disse Willian Martins.

A equipe de Israel é altamente especializada em atuações semelhantes, tendo atuado em terremotos, outros desastres naturais e atentados terroristas. No entanto ainda não trabalharam com desastre que envolva rejeitos de minério.

Em pronunciamento, o primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu destacou: “A delegação israelense está a caminho do Brasil para ajudar as vítimas do desastre do desabamento da barragem. Nós ajudamos nossos amigos”.

Comentários
×