Marcelo Ribeiro deixa a Fiemg

Jorge Guimarães

Seis meses, após ser empossado como diretor da Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (Fiemg/Regional), o presidente do Sindicato da Indústria do Vestuário de Divinópolis (Sinvesd), Marcelo Ribeiro, efetivou pedido de afastamento do cargo, na última terça-feira, 12. Segundo o organograma da entidade.

As justificativas apresentadas em carta à direção estadual do órgão, destinada ao presidente, Flávio Roscoe Nogueira, Marcelo disse que o cargo tem exigido muito tempo e grande demanda de trabalho. Marcelo, além de presidente do SinVesd, é empresário do setor da confecção. Segundo ele, o tempo ficou escasso. Além disso, também relata a falta de incentivo financeiro.

Projetos

Durante o tempo como diretor, alguns projetos de desenvolvimento foram iniciados. Dentre eles, o do Complexo da Ferradura, MG-050 e a finalização do Hospital Público de Divinópolis. Em Santo Antônio do Monte, um projeto de segurança, em parceria com o Senai, está em andamento, e há ainda o de teste de balística. Já na cidade de Passos, onde existe cerca de 200 empresas de moveis rústicos, a proposta seria a construção de um polo comercial envolvendo o setor.    Outra ação é o aumento de alunos na escola do Sesi, sendo que Divinópolis passou a ter 1 mil vagas e Itaúna, 1,5 mil.  

Segundo Marcelo, mesmo fora da Fiemg, pretende acompanhar a gestão e o andamento dos projetos.

— Hoje, no momento, não me permito afastar das minhas funções perante minha empresa. Vale lembrar que minha saída foi tranquila e meu trabalho, ainda que em pouco tempo, foi elogiado pelo presidente Flávio Roscoe Nogueira. Mas torço para que o vice-presidente da Fiemg Centro-Oeste, Paulo César Costa, leve à frente os projetos, pois, além do cunho profissional, são de alcance social — disse.   

Nota da Fiemg

A Fiemg/ Regional divulgou ontem à tarde, nota oficial sobre a saída de Marcelo Marcos Ribeiro do cargo de Diretor.

— O presidente do Sinvesd deixou o cargo que exercia de também diretor da Fiemg/Regional. O comunicado foi feito ao presidente do Sistema Fiemg, Flávio Roscoe, na tarde desta terça- feira, 12, na sede da entidade, em Belo Horizonte. Marcelo, que também é empresário do setor confeccionista, continua seu mandato à frente do Sinvesd até agosto deste ano, podendo ser reeleito. De acordo com o empresário, o motivo da renúncia é a necessidade de dedicação integral às funções do cargo, de forma voluntária, o que exigia que se ausentasse constantemente do seu negócio — encerra a nota.

Segundo o órgão, Marcelo não será substituído. 

Comentários
×