Manifestações pró e contra o governo Bolsonaro agitam cenário político em Divinópolis

Ato pedindo o impeachment do presidente reuniu 200 carros no último fim de semana; carreta a favor do chefe do Executivo nacional está marcada para este sábado

Bruno Bueno

O Governo de Jair Bolsonaro (sem partido) tem gerado bastante discussão e divisão entre as pessoas. Ao mesmo tempo que existem milhões de apoiadores do presidente, o número de pessoas que o desaprova vem crescendo na mesma proporção no país. Essa divisão chegou nas últimas semanas até Divinópolis, onde manifestações pró e contra o chefe de Estado agitam o cenário político da cidade.

Ataques e críticas

Tudo começou quando, na última sexta-feira, 22, a vereadora Lohanna França (CDN) divulgou em suas redes sociais que iria, com apoio dos movimentos Divinópolis Antifascista e Movimento Acredito, organizar uma carreata a favor do impeachment do presidente. O evento ficou marcado para acontecer saindo da Praça do Santuário e percorrendo as principais ruas da cidade.

No mesmo instante, a parlamentar começou a receber inúmeras críticas nas publicações, feitas, quase em sua totalidade, por apoiadores do presidente. O post no Instagram já conta com quase 1.500 comentários.

— Que piada! Você foi eleita porque muitos eleitores de direita votaram em você, agora dá uma dessa? — escreveu um internauta.

A vereadora conversou com o Agora sobre os ataques recebidos nas redes sociais.

— Eu esperava receber críticas, não ataques. Eu sou muito tranquila com isso, o que me incomoda é que estou recebendo ataques como indivíduo, e não em relação a minha atuação. Estamos tendo uma produtividade alta, a demanda da população tem sido resolvida por intermédio desta vereadora. Recebi críticas até de cunho sexual, porém, já estou tomando medidas jurídicas. A internet não é terra sem lei — comenta Lohanna.

Duzentos carros

A carreata contra Bolsonaro reuniu, segundo a vereadora, mais de duzentos carros, que percorreram a avenida 21 de Abril, rua Goiás, avenida Paraná, além das ruas Castro Alves e Pernambuco, terminando na Praça da Catedral.

Os manifestantes ainda pediram a aceleração do processo de vacinação no país e o retorno do auxílio emergencial. O desleixo do presidente com 215 mil vidas perdidas pela covid-19 no Brasil também foi pauta na carreata.

Carreata pedindo o impeachment de Bolsonaro reuniu 200 carros na cidade. (Foto: Pedro Almeida/Divulgação)

Lohanna explica que o movimento não foi criado por ela.

— A ideia de fazer uma carreata pelo impeachment não é minha, é um movimento que está percorrendo o Brasil e que não tem ideologia partidária. Eu somente fui a pessoa mais conhecida que organizou o movimento no município — conta.

Ela complementou dizendo sobre o motivo da manifestação.

— Lembrando que um governo que gasta 15 milhões em leite condensado enquanto a maior agência pública de pesquisas científicas tem somente 22 milhões (no meio da maior pandemia da história) de fato merece ser criticado — finaliza.

Resposta

A carreata gerou muita repercussão na cidade, demonstrando o interesse de apoiadores do presidente em realizar uma manifestação a seu favor. 

O evento acontece neste sábado, 30, e tem a organização do ex-vereador Sargento Elton, candidato à Prefeitura de Divinópolis nas últimas eleições. O movimento Direita Divinópolis também toma frente do ato.

O Agora procurou o ex-candidato para conversar sobre a manifestação, porém, até o fechamento desta página, não obteve resposta.

A manifestação sairá do Mercado Distrital, às 15h, em direção às avenidas JK e depois 1º de Junho, passando pela rua Goiás e avenida Paraná, terminando na Praça da Bíblia.

Convocação

Sargento Elton publicou um vídeo em suas redes sociais convocando os apoiadores para a carreata. O ex-candidato afirmou que a manifestação vem para defender a família, o cristão, os bons costumes e o patriotismo.

— Estamos convocando as pessoas de bem, as pessoas trabalhadoras, as pessoas que respeitam a legislação, que têm um Deus acima de tudo, ama a pátria e preserva os valores familiares — explica o Sargento.




 










Comentários
×