Livro de Adélia Prado recebe mais um prêmio

Jorge Guimarães

O livro"Cantiga dos Meninos Pastores", de Adélia Prado e com ilustrações de Ângela Leite, agora faz parte do Acervo Básico da Fundação Nacional do Livro Infantojuvenil (FNLIJ), na categoria Poesia (acervo de 2017). A informação foi recebida nesta semana pela Gulliver Editora, responsável pela edição da obra.

A FNLIJ foi criada em 1968 e é a seção brasileira do International Board on Books for Young People (IBBY), e tem a missão de promover a leitura e divulgar o livro de qualidade para crianças e jovens, defendendo o direito dessa leitura para todos, por meio de bibliotecas escolares, públicas e comunitárias.

Todos os anos, a FNLIJ recebe das editoras as primeiras edições dos livros publicados para análise e seleção. Depois de lidos, os considerados de melhor qualidade, são selecionados para fazer parte do Acervo Básico da FNLIJ, criado em 1996 com o objetivo de orientar a compra de um acervo inicial por Secretarias de Educação, Escolas e Bibliotecas.

Prêmios

Esta é a terceira distinção que o livro recebe. Publicado no fim de 2016, já recebeu dois prêmios internacionais importantes de ilustração. Ele compõe os catálogos do 49º Golden Pen of Belgrade, na Sérvia e da Biennial of Illustrations Bratislava, na Eslováquia.

O livro pode ser encontrado nas principais livrarias do Brasil e também pelo site da editora.

Obra

A poeta Adélia Prado conta neste livro uma história tão antiga de uma noite encantada, tão presente na memória. Ela se refere a noite de nascimento de Jesus Cristo e a cada estrofe de “Cantiga dos Meninos Pastores” traz uma ilustração da premiada Ângela Leite de Souza, que utilizou a técnica de desenho e colagem com materiais de bordado e costura sobre tecido.

Comentários
×