Justiça do Trabalho ouve funcionários e clientes da RBH

Gisele Souto 

Os funcionários da Construtora RBH lesados pela empresa estão sendo ouvidos neste momento na Justiça o Trabalho. Os clientes que levaram prejuízo na compra dos apartamentos foram em peso para acompanhar o desenrolar da situação.

 A audiência começou há cerca de uma hora e ainda não tem hora para terminar, principalmente, devido a grande quantidade de pessoas. Os envolvidos pretendem ratificar a justiça que foram vítimas de um golpe. O prejuízo é calculado, segundo a Polícia Civil, por enquanto, em aproximadamente em R$ 60 milhões.

O caso

As investigações mostram que são três grandes prédios, num total de 80 apartamentos, comercializados e não concluídos. Um está em fase de acabamento, outro com duas lajes e um terceiro somente na planta.  Todos estão na avenida Divino Espírito Santo e ruas próximas, mesmo endereço da empresa que fechou as portas e nem avisou para os funcionários. Algumas pessoas vêm pagando de forma parcelada, outras, já quitaram todo o valor do imóvel, com preços que vão de R$ 50 mil a quase R$ 1 milhão.

Os proprietários da construtora estão presos no Floramar há mais de uma semana.

Comentários
×