Jornalismo perde Carla Carneiro para covid-19

Profissional que trabalhou em Divinópolis por muitos anos, morreu nesta madrugada

Da Redação

Morreu em Uberaba na madrugada desta quarta-feira, 31, a jornalista Carla Carneiro. Dona de um sorriso encantador, foi mais uma vítima da coid-19. Carla tinha 48 anos nos deu o privilégio atuar mesmo que em um curto período na redação do Agora.

Mas, foi na TV Integração que ela ficou conhecida, onde atuou por 16 anos. Trabalhou por quaatro anos e meio na emissora, em Uberaba e o restante em   Divinópolis, onde permaneceu até 2015 . Por aqui, foi colega de redação de profissionais conhecidos, como Aline Fonseca, Marcela Mesquita, Thiago Carvalho e Michele Pereira. Passou também pela Rádio Sucesso por um bom período, a convite de Sonia Terra.

Atualmente, trabalhava em Uberaba, sua terra natal. Em suas redes sociais, muitos amigos e colegas de jornada e profissão, se manifestaram.

Complicações

Além da covid Carla teve uma meningite. Ela estava internada há quase dez dias e sofreu uma parada cardíaca namadrugadadesta quarta. O corpo foi enterrado às 11h, no Cemitério São João Batista. Ela deixa o pai e três irmãos. 

Comentários
×