INSS digital chega a Divinópolis em junho e promete agilidade

 

Gisele Souto 

Já implantado em duas cidades da região Centro-Oeste, o projeto INSS Digital deve estar em atividade na agência regional em Divinópolis a partir de junho próximo. A iniciativa do Instituto Nacional do Seguro Social consiste na adoção de uma nova forma de atender em que o cidadão terá acesso aos serviços com rapidez e segurança.

A expectativa é implementar o novo modelo de atendimento e de fluxo de processos em todas as agências até julho deste ano. Até o momento, na região, as agências de Dores do Indaiá e de Arcos já passaram a atender dentro dos parâmetros do INSS Digital.

 Sem senha e fila

Uma das facilidades do INSS Digital é a central de serviços “Meu INSS”, que oferece serviços pela internet. Desde meados de março, os benefícios de salário-maternidade e aposentadoria por idade podem ser acompanhados diretamente pelo “Meu INSS”, sem necessidade de ida às agências. Em breve, outros benefícios também poderão ser pedidos e concedidos automaticamente, entre eles a aposentadoria por tempo de contribuição.

A ferramenta “Meu INSS” também está disponível para uso nos celulares. O aplicativo foi desenvolvido ao longo de 2017 e cada vez mais apresenta novas funcionalidades. Começou com agendamentos e a possibilidade de acompanhar o Cadastro Nacional de Informações Sociais (CNIS).

 Calculadora 

Uma novidade é a Calculadora do INSS, que faz a Simulação de Tempo de Contribuição, e a Declaração de Imposto de Renda (IR), que facilita para que os aposentados e pensionistas tenham comodidade na hora de fazer a declaração. O “Meu INSS” tem ainda os históricos de crédito e de consignado, que permitem ao cidadão acompanhar suas finanças.

Adequações 

Há pelo menos dez anos, o INSS vem realizando algumas adequações para melhorar o atendimento e evitar ocorrências mais graves, como agressões a servidores. Uma delas foram os detectores de metais, implantado em Divinópolis e nas 17 agências sob a subordinação da regional. O sistema conhecido como “alarme de pânico” foi colocado nos 35 consultórios para realização de perícias médicas nas agências que compõem a Gerência-Executiva do INSS em Divinópolis.

 

Comentários
×