Inscrições para vagas nas Superintendências Regionais de Ensino terminam nesta terça

Da Agência Minas

Termina nesta terça-feira, 2, a inscrição para os interessados em ocupar vagas nas Superintendências Regionais de Ensino de Minas Gerais. O processo seletivo, iniciado em 21 de março, por meio do programa Transforma Minas, é de certificação ocupacional para quem deseja concorrer a uma das 47 vagas, em todo o Estado.

Nessas funções, os aprovados vão desenvolver e coordenar ações pedagógicas, administrativas e de gestão de recursos humanos nas escolas e na sede da sua regional de ensino, melhorando, assim, os resultados educacionais. 

Desde que foi colocado no ar, em 11 de março, o portal transformaminas.mg.gov.br já recebeu mais de 600 mil acessos, principalmente no que diz respeito às vagas ofertadas (177 mil acessos) e nas dúvidas mais frequentes (56 mil acessos).

Até o momento, foram ofertadas vagas em cinco secretarias e órgãos do Estado. Além dos postos nas superintendências regionais, da Secretaria de Estado de Educação, estão em andamento processos de seleção para: diretor técnico da Prodemge; corregedor-geral e subcontrolador de Governo Aberto, da Controladoria-Geral do Estado; superintendente de Proteção Social Básica, da Secretaria de Desenvolvimento Social; e subsecretário da Receita Estadual, na Secretaria de Estado de Fazenda.

A exemplo das primeiras vagas oferecidas pelo Transforma Minas, as inscrições e o acompanhamento do processo seletivo são totalmente on-line por meio do site oficial. Os candidatos terão acesso ao formulário de cadastramento, para o processo de certificação, aos requisitos exigidos e às demais etapas de avaliação até a nomeação dos futuros titulares das Superintendências Regionais de Ensino (SREs). Podem participar servidores da educação estadual ativos e inativos que preencham os requisitos da função, detalhados no site do programa.

Nessa primeira fase de inscrições, serão solicitados dados pessoais, envio de currículo e demais informações compatíveis com o potencial exercício do cargo. A certificação é uma exigência da legislação mineira e só os profissionais aprovados poderão concorrer ao cargo.

Na fase seguinte, os profissionais certificados que quiserem participar do processo seletivo poderão indicar interesse em até duas superintendências do interior do Estado ou em três da região metropolitana.

Ao longo de todo o período da seleção, os profissionais passam por análise de currículo e de antecedentes, avaliação preliminar de conhecimento e de compatibilidade com os desafios educacionais de Minas - os aprovados na certificação também serão submetidos à entrevista por mapeamento de competências. O processo resultará em uma lista de profissionais aptos a serem selecionados para ocupar o cargo de superintendente regional de Ensino.

Comentários
×