Incêndio de grandes proporções é registrado em Divinópolis na manhã de hoje

Da Redação

Um incêndio de grandes proporções foi registrado na manhã de hoje, 7, na Avenida 1º de Junho, no centro, em Divinópolis. De acordo com o Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais (CBMMG), a corporação foi acionada às 9h57, e ao chegarem ao local os bombeiros encontraram um depósito de mercadorias utilizado por uma loja de departamentos da cidade, em chamas. Ainda segundo o Corpo de Bombeiros, o local se encontrava na fase de queima livre, parte do telhado já havia sido colapsada, e a fumaça era avistada à distância.

Conforme informou a corporação, ações de acesso ao interior do depósito e de combate às chamas, ocorreram junto com as verificações dos riscos às edificações vizinhas. O incêndio consumiu todo o estoque que tinha no local, e a intensidade do calor emanado pelas chamas provocou danos nas janelas (trincas nos vidros) instaladas o edifício vizinho que estavam localizadas na parede que faz divisa com o depósito.

Segundo o Corpo de Bombeiros, as chamas foram controladas por voltas das 14h50. A corporação contou com o apoio das equipes da Companhia de Saneamento de Minas Gerais (Copasa), da Polícia Militar (PM) e do perito da Polícia Civil.

Vistorias

O Corpo de Bombeiros realizou também vistorias nos imóveis que ficam no entorno do local do incêndio. De acordo com a corporação, a primeira vistoria realizada foi no edifício ao lado do depósito. No prédio foi verificado inicialmente a central de GLP, e o risco de uma explosão devido aos botijões de gás, porém foi constatado que o local permanecia seguro.

- Instalamos um ponto de combate às chamas ao lado desta central para garantir a segurança deste local e auxiliar para debelar as chamas – informou.

Na sequência os bombeiros vistoriaram uma residência familiar localizada à direita do depósito. Segundo a corporação não foram verificados danos, e a proprietária foi orientada quanto as medidas necessárias para a ventilação da residência.

- Também foram vistoriadas as residências que fazem divisa com o galpão incendiado, e não foram verificados danos, nem riscos para estas edificações – comunicou.

Foi realizada ainda uma vistoria, em todas os apartamentos do prédio vizinho ao local do incêndio, em que os moradores estavam presentes. Nesta visita o Bombeiro Militar encontrou danos e orientou sobre as medidas necessárias para a ventilação desses locais.

Comentários
×