Hortifrútis mantêm preços estáveis

Frutas de época, além de ter preços mais baixos, são recomendadas por especialistas

Da Redação

Depois de bater os R$ 5 no início do ano, os preços da batata caíram, devido à colheita da safra em várias regiões do país. A expectativa é que o item continue se desvalorizando nas próximas semanas, uma vez que a oferta tende a aumentar com a intensificação da safra e início deste inverno. Outros importantes alimentos da culinária brasileira também estão com os preços em baixa nos últimos dias: a cenoura vermelha e  a beterraba.

Preços

Numa loja de rede de supermercados ontem, a cenoura vermelha era comercializada a R$ 1,49, mesmo preço da beterraba. A batata saía por R$ 1,99 e o tomate a R$ 2,49, enquanto a cebola custava R$ 3,99.

— Como se vê, a safra é quem comanda o mercado dos hortifrútis. Quando há oferta, os preços caem e eles devem ficar estáveis até a estação das chuvas chegar — avaliou o gerente da loja, Walter Wagner.

Frutas

As frutas são fundamentais em qualquer dieta saudável. Entretanto, cada uma, segundo nutricionistas, se desenvolve melhor em uma estação específica do ano, período chamado de safra. Por isso, conhecer a estação ideal de cada fruta e os benefícios de consumi-las na safra é de extrema importância para a saúde, conforme os profissionais. Agora, no início do inverno, as frutas de época são  banana, carambola, caju, caqui, coco, kiwi, laranja, maçã, mexerica, morango e uva. A banana é uma das frutas mais consumidas no Brasil e a segunda no mundo, atrás apenas da laranja, e a da espécie prata, ontem, era vendida a R$ 2,29. Outro item que está com o preço em baixa é o mamão formosa, que sai a R$ 1,99, o mesmo preço do quilo da laranja pera rio e da melancia.

 

Comentários
×