Hortifrútis apresentam equilíbrio nos preços

Jorge Guimarães

O setor de hortigranjeiros, que inclui hortaliças, frutas e ovos, apresentou queda de custos em alguns itens no preço médio da primeira quinzena de agosto. Nem mesmo o frio afetou a produção de algumas hortaliças, que mantiveram sua oferta no mercado. Assim, é possível encontrar preços favoráveis ao consumidor, com destaque para os da cenoura, tomate, beterraba e batata doce, por exemplo. Já o grupo das frutas apresentou pequena queda nos custos, influenciada por produtos em entressafra. Mas, nem todos os itens estão com os preços menores que os praticados no início do mês.

Preços

Em um supermercado da cidade ontem, o melão amarelo, cenoura vermelha, beterraba e pepino caipira eram comercializados a R$ 1,99, a batata e o chuchu a R$ 3,99. Já a cebola estava a R$ 4,99, e batata doce em R$ 2,99. A melancia era vendida a R$ 0,99, mesmo preço da unidade do coco verde. A laranja serra d’água e batata doce roxa, por sua vez, saíam a R$ 1,79. O maracujá azedo, pêra argentina e ameixas importadas eram vendidos a R$ 4,99.  

— Sempre faço pesquisa e procuro as promoções para ver se sobra dinheiro. Outra artimanha é só levar as frutas e hortaliças de época — detalha a dona de casa Mariza Silva.

Comentários
×