Hoje é vencer e vencer

Batendo Bola

 

José Carlos de Oliveira

 

jcquerovivber@hotmail.com.br

 

Hoje é vencer e vencer

 

A derrota do fim de semana para o Ipatinga, em pleno Farião, não estava nos planos de ninguém no Guarani, desde sua presidência até o mais simples de seus funcionários, passando por comissão técnica e jogadores, e respingando ainda em seus fiéis torcedores.

 

Sonho frustrado

 

Os três pontos conseguidos fora de casa na rodada anterior, frente o Aymorés em Ubá, aumentaram a confiança e o astral pelas bandas de Porto Velho, e buscar os seis pontos nas duas partidas que faria em casa era o sonho de todos, para que o Bugre ficasse numa boa em relação à briga por uma vaga entre os quatro finalistas do estadual.

 

Pesadelo

 

Mas o sonho virou pesadelo. O time cometeu erros em sua defesa, pagou caro por isso e agora terá que correr contra o prejuízo para se manter na briga. Menos mal que os números ainda permitam uma recuperação, pois do contrário seria um deus nos acuda e uma dor de cabeça sem tamanho para todos que vivem e amam o clube de Porto Velho.

 

Para já

 

Que ninguém se acomode com os números ainda favoráveis e trate logo de cumprir seu papel em campo já na rodada deste meio de semana, porque o que não pode acontecer de forma alguma é deixar para depois. A recuperação tem que ser para já, com o Bugre vencendo esta tarde e tratando logo de buscar pontos nos dois jogos que fará fora de casa, na sequência, porque o que não pode acontecer, de forma alguma, é deixar o acesso para o ano que vem. 

Quanto mais o Guarani demorar a carimbar seu retorno à elite do futebol mineiro, mais difícil será a vida de todos no clube, porque, se com o time vivendo em bom astral ainda aparece quem joga contra, a turma dos críticos de plantão, imagina então se a equipe ficar mais uma vez pelo caminho? Aí será uma festa para aqueles que só torcem pelo pior para o Bugre.

 

Jogo de seis pontos

 

Com o resultado de sábado último, o duelo de hoje ganhou ainda mais importância, principalmente por ser contra um adversário direto na briga por uma vaga no quadrangular. Quem vencer logo mais segue na briga, mas o perdedor já pode é fazer as contas de como fará para viver ano que vem, mais uma vez no deficitário Módulo II.

 

Foto: Divulgação

 

Guarani precisa do apoio de sua torcida logo mais

 

Diretoria faz promoção de ingressos

 

E, para contar com o apoio de seu 12º jogador nas arquibancadas, a diretoria decidiu baixar o preço dos ingressos a menos da metade, com todos pagando apenas meia-entrada (R$ 20) para acompanhar o duelo frente ao Betim Futebol. 

A hora agora é de os verdadeiros torcedores comprarem a briga da diretoria e, juntos, empurrarem o time para a tão sonhada vitória.

 

Eu acredito

 

Como sou otimista sempre e nunca abandono o barco, torço pelo sucesso do time e de todos que estão envolvidos na tarefa de levar o clube para o lugar de onde nunca deveria ter saído, na elite do futebol mineiro. 

Eu sempre sou mais Guarani e o resto é apenas o resto. E vamos que vamos, Bugre!!!

Comentários
×