Hemominas alerta sobre doar sangue após vacinar contra febre amarela

Da Redação

Durante o período de férias e carnaval, historicamente, o estoque de sangue da Fundação Hemominas sofre uma redução de aproximadamente 30%. Aliada a essa sazonalidade, a ocorrência de casos de febre amarela pode agravar a situação, tendo em vista que o tratamento de suporte aos pacientes infectados pode demandar o uso de grande quantidade de hemocomponentes. 

Além disso, ao receber a vacina da febre amarela, a pessoa fica impedida de doar sangue por 30 dias. Por causa disso, a Hemominas recomenda que as pessoas já imunizadas após esse período colaborem, agendando suas doações de sangue.

Já as pessoas não imunizadas podem, no mesmo dia, doar sangue e, depois, se dirigirem a uma Unidade Básica de Saúde (UBS) mais próxima da sua casa para se vacinarem.

Comentários
×