Guarani treina em dois períodos neste sábado

José Carlos de Oliveira

O fim de semana será de treino para os jogadores do Guarani. Com poucos dias de trabalho – a apresentação aconteceu apenas na terça-feira, 27 – e o técnico Gian Rodrigues não quer perder mais tempo, e já comanda atividades intensivas desde as primeiras horas dos jogadores no Farião. 

Estreia

O retorno do Guarani à elite do futebol mineiro já tem data marcada, e vai acontecer em Divinópolis. O alvirrubro abre o Campeonato Mineiro 2019 contra o Cruzeiro - no duelo dos dois campeões estaduais deste ano -, em partida marcada para a tarde de sábado, 19 de janeiro, às 17h, no estádio Waldemar Teixeira de Faria, o Farião.

Treino em dois períodos

Os trabalhos no Farião foram realizados nesta sexta-feira em dois períodos, com a comissão técnica comandando atividades pela manhã, às 9h, e à tarde, a partir das 16h. Neste início de preparação, o técnico Gian Rodrigues comanda trabalhos técnicos e táticos para o grupo, mas também dirige atividades com bola e exige cuidados na preparação física, que está a cargo do preparador Eduardo Diniz.

Para este sábado, o dia será novamente de treinos pela manhã, às 9h, e à tarde, a partir das 16h, no campo do bairro Porto Velho. Já para o domingo, a comissão técnica optou por dar folga a todo o grupo, com o elenco retomando os treinamentos na segunda-feira.

Novos auxiliares

Na comissão técnica que irá comandar os trabalhos do Guarani em seu retorno ao Módulo I, algumas novidades foram apresentadas pela diretoria. Além de contar com o auxílio dos jovens treinadores que trabalham nas categorias de base do Bugre, o técnico Gian Rodrigues agora terá três nomes de peso a auxiliá-lo nos trabalhos.

A preparação física fica com Eduardo Diniz, que já estava no Guarani este ano, fazendo parte da campanha do título estadual do Módulo II. O primeiro auxiliar técnico é Leo Medeiros, que vem para sua primeira temporada no Farião.

Na preparação dos goleiros está de volta a Divinópolis um velho conhecido da torcida, Ronaldo Gontijo, que depois de trabalhar em outros projetos em Minas Gerais, volta ao Farião para trabalhar com os goleiros Leandro Henrique e Neto Bonini.

Comentários
×