Guarani estuda venda do volante Kauê

José Carlos de Oliveira

Diretoria do Guarani anuncia novidades para a temporada. Durante coletiva na manhã desta sexta-feira, 7, no Farião, o alvirrubro detalhou diversos assuntos. As pautas tem sido tratadas com carinho pela diretoria para que o Bugre faça uma boa temporada em 2019.

O principal tema abordado pelo presidente não agrada nada à torcida. Um dos principais jogadores do meio-campo do time campeão estadual, e um dos líderes do grupo, o volante Kauê pode estar de saída do clube.

Depois de ser campeão com o Guarani, o jogador foi um dos primeiros atletas a ter seu contrato renovado com o time.

Emprestado ao Coimbra para a disputa da Segunda Divisão, o jogador ajudou no acesso do clube da Grande Belo Horizonte ao Módulo II.

De volta ao Farião, Kauê já participava dos treinos da temporada, mas agora pode estar de saída do Bugre. A diretoria alvirrubra anunciou que estuda uma proposta e que pequenos detalhes afastam o volante de um novo clube, com o jogador devendo mesmo ser negociado nos próximos dias.

Outros assuntos

Também na coletiva, a diretoria adiantou que a nova camisa já deve estar à venda nas lojas antes no Natal.

Sobre patrocinadores, o presidente Vinicius Morais adiantou que o patrocínio máster deve ser confirmado nos próximos dias, faltando pequenos detalhes para ser confirmado. O Guarani já tem certos os patrocínios da Unimed, Codil, Droga Rede e Francisco Imóveis.

Ingressos avulsos

A diretoria do Guarani trabalha com a possibilidade de ter poucos ingressos à venda de forma avulsa, nos jogos do time no Farião. Com o lançamento do passaporte, a R$ 160 (com entradas para os cinco jogos) e o programa de sócio torcedor, restarão poucos bilhetes dos 4.181 da capacidade do estádio para serem vendidos nos dias de jogos no Farião. Para o jogo com o Cruzeiro o ingresso deve custar R$ 80 e nas outras quatro partidas R$ 30 (Módulo).

Comentários
×