Governo promete escala de pagamento para hoje

Da Redação

O governo do Estado prometeu divulgar a escala de pagamento dos salários dos servidores na tarde de hoje, 7. Até o início da manhã de ontem, 6, o Executivo Estadual ainda não havia dado previsão de quando o pagamento começaria. Com grito de “Oh servidor, cadê você, se não parar não vai receber”, diversos servidores estaduais se reuniram na porta da Cidade Administrativa ontem e exigiram do Estado, as datas do pagamento do salário de novembro e também a data de pagamento do 13° salário, que seguem indefinidas.

Após o protesto, o assessor de relações sindicais do governo de Minas, Carlos Calazans anunciou que a reunião com a Comissão de Acompanhamento da Folha de Pessoal, que seria realizada nesta segunda-feira, 3, foi adiada para a próxima semana, porém, foi adiantada para hoje. Ainda de acordo com o assessor de relações sindicais, o fato de os sindicatos terem pedido a definição conjunta do pagamento do salário de novembro, e do 13º atrasou o encontro.

— Foi um pedido dos sindicatos, então atrasou um pouco porque, com o 13º, o levantamento envolve outro patamar de recursos. Mas se a Fazenda conseguir colocar datas semelhantes ao que vem ocorrendo nos últimos meses não fica tão ruim – argumentou.

 Apenas salários

 Ainda de acordo com Calazans, será definida na reunião de hoje apenas a escala de pagamento dos salários de novembro. O assessor de relações sindicais entende que tudo indica que parte do benefício natalino será pago pelo governador eleito, Romeu Zema (Novo).

— Caso fiquem parcelas do 13º para o ano que vem, o novo governo precisa ser consultado, até porque, neste caso será ele quem vai pagar. Tudo indica que teremos uma conversa com a transição — informou.

Segundo Calazans, a Secretaria de Estado da Fazenda (SEF) deve concluir até o fim da semana o levantamento financeiro, para definir a data do pagamento do 13° salário.

 

Comentários
×